Itaguaí: criminosos incendeiam veículos para dificultar operação policial

PM informou que quatro acabaram presos por envolvimento nos ataques

Policiais militares do 24º BPM (Queimados) realizam nesta sexta-feira (10) uma operação em Itaguaí, onde criminosos atearam fogo em diversos veículos, pela manhã, a fim de dificultar a atuação policial na região. Ocorreram ataques em diferentes pontos, como Centro, São Salvador, Engenho e Comunidade do Carvão.

O ATUAL apurou com uma fonte da Polícia Militar que quatro acabaram presos por envolvimento nos ataques. Já a assessoria de imprensa da PM informou que outros homens, apontados pelos agentes como responsáveis por atear fogo em veículos no Carvão, conseguiram fugir. Eles abandonaram três veículos usados na ação criminosa – recuperados, posteriormente, por policiais – e escaparam em um quarto carro.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

De acordo com imagens obtidas pela reportagem, pelo menos três veículos foram incendiados nesta sexta: um ônibus de uma autoescola, na Estrada Ari Parreiras, no Engenho; uma Fiat Fiorino, na Rua Presidente Vargas, no Centro; e um Chevrolet Prisma, na Rua Guararapes, em São Salvador.

Ainda durante a operação, de acordo com a PM, as equipes apreenderam diversos itens. Dentre eles, a reportagem apurou quatro carregadores de pistola; quatro radiotransmissores; 29 munições calibre 40; um bloqueador de sinal; e 50 trouxinhas de maconha.

LEIA MAIS

Itaguaí: mulher é morta a tiros em bar próximo ao Parque Municipal

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

VÍDEO: Polícia Civil prende cinco integrantes da milícia em Seropédica

Sobre atividades escolares, a Secretaria Municipal de Educação divulgou que muitos pais foram buscar seus filhos em três unidades: E.M. Prefeito Wilson Pedro Francisco, Creche Municipal Aparecida Azedo e Escola Municipal Elmira Figueira.

Por precaução, as pasta decidiu cancelar as aulas desta tarde nestas unidades. Já uma outra fonte contou à reportagem que a prefeitura também suspendeu as aulas da noite no Centro Educacional de Itaguaí. A secretaria não mencionou esta unidade.

A PM comunicou que equipes permanecem na região realizando buscas por envolvidos em ações criminosas.

O ATUAL também contatou a Polícia Civil. A corporação informou que a 50ª DP (Itaguaí), assim que soube dos ataques, abriu investigação para apurar os fatos e solicitou perícias para os locais e outras diligências, que estão em andamento.

Luiz Maurício Monteiro

Repórter com mais de 15 anos de trajetória e passagens por diferentes editorias, como Cidade, Cultura e Esportes.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com
/* */