quinta-feira, outubro 21, 2021
InícioSem categoriaZé Ricardo aprova espírito da equipe

Zé Ricardo aprova espírito da equipe

COMPETITIVIDADE Empatar com o líder para muitos não é um resultado a ser lamentado. No Botafogo, é. O técnico Zé Ricardo aprovou a atuação da sua equipe no empate em 2 a 2 com o São Paulo. Mas ressaltou, para ele a vitória poderia ter sido conquistada no Estádio Nilton Santos, neste domingo. Em entrevista coletiva, o treinador destacou primeiramente o espírito competitivo do time. Confira os principais trechos:
SENTIMENTO
“É um empate que deixa a gente realmente chateado porque poderia ter saído com a vitória. Enfrentamos o então líder da competição, com grandes jogadores. Deixamos a mensagem da competitividade. Se formos competitivos igual fomos hoje, poderemos jogar de igual para igual diante de qualquer equipe”, destacou Zé Ricardo.
ARBITRAGEM
“Tenho dois anos e meio de profissional. Só lembro de ter falado de arbitragem uma vez

COMPETITIVIDADE Empatar com o líder para muitos não é um resultado a ser lamentado. No Botafogo, é. O técnico Zé Ricardo aprovou a atuação da sua equipe no empate em 2 a 2 com o São Paulo. Mas ressaltou, para ele a vitória poderia ter sido conquistada no Estádio Nilton Santos, neste domingo. Em entrevista coletiva, o treinador destacou primeiramente o espírito competitivo do time. Confira os principais trechos:

SENTIMENTO

“É um empate que deixa a gente realmente chateado porque poderia ter saído com a vitória. Enfrentamos o então líder da competição, com grandes jogadores. Deixamos a mensagem da competitividade. Se formos competitivos igual fomos hoje, poderemos jogar de igual para igual diante de qualquer equipe”, destacou Zé Ricardo.

ARBITRAGEM

“Tenho dois anos e meio de profissional. Só lembro de ter falado de arbitragem uma vez, se não me engano na Arena Corinthians, num gol mão do Jô, ainda pelo Vasco. Não gostei da arbitragem. O Rafael (Traci) não foi bem. No primeiro gol, na minha visão, pode ser passível de discussões, mas acho que Diego estava impedido. Logicamente o nosso atleta não vai dar passe pra trás ali, a bola bateu nele”.

O JOGO

“A nossa equipe teve bom comportamento geral, gostei mais no primeiro tempo. Sem dúvida que a gente perdeu volume na marcação com a saída do Jean, demos espaços ao São Paulo, que fez um segundo tempo melhor. Se falar da pontuação dos times, a gente somou um ponto. Mas se falar pelo que criamos, a chateação fica”.

PARABÉNS AO TIME

“Parabenizei porque a entrega foi muito grande, o respeito ao São Paulo foi muito grande, mas em nenhum momento deixamos de acreditar na vitória. Precisamos ser agressivos, competitivos e sempre com Fair Play”.

ERROS

“Erramos algumas decisões que vínhamos conversando, principalmente no terço final do campo. Não podemos tomar decisões equivocadas, porque Bahia tem muitas armas, e isso pode ser fatal pra gente. Nossa transição poderia ter sido melhor sem dúvidas, tivemos oportunidades. Tecnicamente a gente pecou ao não fazer essa transição”.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!