sábado, outubro 23, 2021
InícioItaguaí“Colheitas da Solidariedade” promovem sustentabilidade

“Colheitas da Solidariedade” promovem sustentabilidade

SUSTENTABILIDADE O Parque Arqueológico e Ambiental de São João Marcos (PAASJM), integrante do programa social para educação e cultura da Light, realiza, desde 2011, ações de educação patrimonial, ambiental e cultural . Os eventos são totalmente gratuitos e voltados para jovens do universo escolar e adultos de todas as idades. A iniciativa “Colheitas da Solidariedade” é uma atitude simples, mas que une cidadania, sustentabilidade e relacionamento com a comunidade. 

Desde março de 2017, em torno de 1.000 pés de hortaliças orgânicas foram retirados nas colheitas e doados a moradores de baixa renda. Além disso, instituições de apoio a pessoas em vulnerabilidade social de Rio Claro, município sede do projeto. Este ano, estudantes da região e visitantes do parque já participaram de três ciclos das colheitas e puderam acompanhar as doaç

SUSTENTABILIDADE O Parque Arqueológico e Ambiental de São João Marcos (PAASJM), integrante do programa social para educação e cultura da Light, realiza, desde 2011, ações de educação patrimonial, ambiental e cultural . Os eventos são totalmente gratuitos e voltados para jovens do universo escolar e adultos de todas as idades. A iniciativa “Colheitas da Solidariedade” é uma atitude simples, mas que une cidadania, sustentabilidade e relacionamento com a comunidade. 

Desde março de 2017, em torno de 1.000 pés de hortaliças orgânicas foram retirados nas colheitas e doados a moradores de baixa renda. Além disso, instituições de apoio a pessoas em vulnerabilidade social de Rio Claro, município sede do projeto. Este ano, estudantes da região e visitantes do parque já participaram de três ciclos das colheitas e puderam acompanhar as doações via redes sociais. “Simplicidade, amor e resultado. A nossa sociedade precisa disso”, declara Luís Felipe Younes do Amaral, gerente do Instituto Light e Centro Cultural.

Sobre o local

O PAASJM se propõe como um lugar que combina história, cultura, natureza e educação. Entretanto, num ambiente com características ímpares e que permite ao visitante uma verdadeira experiência que toca todos os sentidos. Inaugurado em 2011, o PAASJM é um espaço da Light mantido com o patrocínio da empresa. Posteriormente, o Governo do Estado, da Secretaria de Cultura e a Lei Estadual de Incentivo à Cultura, e do Programa de Eficiência Energética da Agência Nacional de Energia Elétrica. Assim, o Instituto Cultural Cidade Viva (ICCV) é a empresa parceria da Light na gestão do equipamento cultural.

A visita ao PAASJM é gratuita e a unidade fica aberta de quarta a sexta-feira, das 10h às 16h; e aos sábados e domingos, das 9h às 17h. Ele fica na Estrada RJ 149 (Rio Claro – Mangaratiba) Km 20, em Rio Claro. O telefone é (21) 2233-3690 e o email contato@saojoaomarcos.com.br. Também é possivel obter informações em seu site

DESDE 2017, a horta já produziu em torno de 1.000 pés de hortaliças orgânicas colhidas e doadas

FOTO DIVULGAÇÃO

Lugar de resgate histórico e de tradições culturais

Situado no município de Rio Claro, o PAASJM comemorou em junho de 2018 sete anos de atividades. Dentre elas, algumas resgatam a memória da antiga cidade de São João Marcos, contando sua história e tradições culturais. Desde a sua inauguração, em 2011, o PAASJM já promoveu  mais de 70 eventos culturais e já contabilizou 74 mil visitantes. Entretanto, cerca de 20 mil estudantes de escolas públicas já o visitaram dentro de um programa educativo estruturado.

Todos os visitantes dispõem de conforto e segurança para desfrutar em paz de uma verdadeira experiência multissensorial. Durante um passeio, o frequentador pode apreciar deslumbrantes paisagens que mesclam as belezas da Mata Atlântica e de Ribeirão das Lajes. Ao mesmo tempo, pode se ouvir o canto e observar os pássaros, abundantes na área perto da represa, e ainda degustar quitutes no Quiosque São João Marcos. Os pratos oferecidos no quiosque são resgatados de livros de receitas de antigos moradores.

Estão à disposição dos frequentadores um centro de memória, guias turísticos, anfiteatro, espaço de leitura, sala multimídia e de exposições. Ainda mais, há um campo de futebol em homenagem aos craques do Marcossense Futebol Clube, time considerado imbatível na lembrança dos antigos torcedores. Há ainda o Espaço Obra Escola, onde, as crianças são apresentadas ao mundo da arqueologia de maneira lúdica. Por meio de painéis ilustrativos em formato de histórias em quadrinhos, os pequenos embarcam nesse mundo totalmente novo. Há também uma horta orgânica, na qual alunos cultivam e colhem alimentos livres de agrotóxicos. A loja de souvenir, viveiro e o estacionamento permitem conforto aos visitantes.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!