sexta-feira, dezembro 3, 2021
InícioPoderPrefeitura de Mangaratiba anuncia 15% de reajuste aos servidores

Prefeitura de Mangaratiba anuncia 15% de reajuste aos servidores

Alan Bombeiro anunciou o percentual diante dos representantes dos sindicatos. Próximo passo é encaminhar o projeto para aprovação da Câmara dos Vereadores A Prefeitura de Mangaratiba anunciou na quinta-feira (2) o reajuste de 15% no salário do funcionalismo municipal. “Estamos trabalhando muito em cima desse tema tão importante em apenas seis meses de gestão”, destacou o prefeito Alan Bombeiro. O anúncio aconteceu durante uma rodada de negociação com os representantes dos sindicatos dos Servidores Públicos da cidade (Sispmum) e o Estadual de Educação (Sepe). De acordo com a prefeitura, a mensagem será enviada à Câmara dos Vereadores em até 15 dias para aprovação. A reunião contou com o quadro técnico da prefeitura, formada pelas secretarias de Administração, Procuradoria e Finanças. Foi apresentada aos sindicalistas a propo

Alan Bombeiro anunciou o percentual diante dos representantes dos sindicatos. Próximo passo é encaminhar o projeto para aprovação da Câmara dos Vereadores

A Prefeitura de Mangaratiba anunciou na quinta-feira (2) o reajuste de 15% no salário do funcionalismo municipal. “Estamos trabalhando muito em cima desse tema tão importante em apenas seis meses de gestão”, destacou o prefeito Alan Bombeiro. O anúncio aconteceu durante uma rodada de negociação com os representantes dos sindicatos dos Servidores Públicos da cidade (Sispmum) e o Estadual de Educação (Sepe). De acordo com a prefeitura, a mensagem será enviada à Câmara dos Vereadores em até 15 dias para aprovação.

A reunião contou com o quadro técnico da prefeitura, formada pelas secretarias de Administração, Procuradoria e Finanças. Foi apresentada aos sindicalistas a proposta de reajuste de 15% referente à data-base, que não foi paga pelos prefeitos anteriores. Os servidores reivindicam cerca de 30%.

“Vamos continuar as negociações. Os sindicatos têm que lutar pelos direitos dos servidores. Já estive do outro lado e sei como funciona. Só pedimos a eles que avaliem a situação de toda a cidade. Não queremos tomar decisões mais enérgicas, de como fechar espaços e fazer exonerações em massa. Quem sofre é a população, mas vamos trabalhar para que os profissionais tenham seus direitos efetivados”, completou o prefeito.

Ainda na reunião ficou acordado que as negociações vão prosseguir e outros encontros acontecerão. Agora, o Poder Executivo vai encaminhar o projeto de 15% para aprovação dos vereadores. No mês passado o prefeito, Alan Bombeiro, já havia anunciado o pagamento integral das férias da Educação. 

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!