terça-feira, dezembro 7, 2021
InícioSem categoriaMovimento Seleção Solidária entra em campo contra o coronavírus

Movimento Seleção Solidária entra em campo contra o coronavírus

Em uma ação conjunta da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), comissão técnica e atletas recentemente convocados para a Seleção Brasileira, iniciou nesta terça-feira (21), o Movimento Seleção Solidária, que visa atender famílias em situação de vulnerabilidade em todo o país.
De acordo com a CBF, com o total de R$ 5 milhões já arrecadados, será possível atender 32 mil famílias pelos próximos dois meses, através das entidades Ação da Cidadania, Central Única das Favelas (CUFA) e Transforma Brasil. Juntos, os jogadores que estiveram em convocações recentes da Seleção Brasileira, a comissão técnica e o presidente da CBF, Rogério Caboclo, fizeram doações que somaram um total de R$ 2,5 milhões. Como compromisso assumido com os atletas, a CBF dobrou este valor, totalizando R$ 5 milhões, que agora serão encaminhados para a c

Em uma ação conjunta da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), comissão técnica e atletas recentemente convocados para a Seleção Brasileira, iniciou nesta terça-feira (21), o Movimento Seleção Solidária, que visa atender famílias em situação de vulnerabilidade em todo o país.
De acordo com a CBF, com o total de R$ 5 milhões já arrecadados, será possível atender 32 mil famílias pelos próximos dois meses, através das entidades Ação da Cidadania, Central Única das Favelas (CUFA) e Transforma Brasil. Juntos, os jogadores que estiveram em convocações recentes da Seleção Brasileira, a comissão técnica e o presidente da CBF, Rogério Caboclo, fizeram doações que somaram um total de R$ 2,5 milhões. Como compromisso assumido com os atletas, a CBF dobrou este valor, totalizando R$ 5 milhões, que agora serão encaminhados para a compra e distribuição das cestas básicas. “O futebol está na vida dos brasileiros. Muito importante contribuirmos também nesse momento tão difícil. Esta é uma mobilização conjunta da CBF, dos atletas e da comissão técnica que levará esperança a milhares de famílias”, afirmou o presidente da CBF.
A CBF informou que em sua segunda fase, o Seleção Solidária terá como desafio convocar outros atletas e os torcedores em geral e, assim, conquistar novas adesões para este desafio do bem. Por meio das redes sociais da CBF e dos jogadores, a ideia é unir forças para que mais doações cheguem às três entidades e possam atender um número ainda maior de pessoas. Todos os valores doados e repassados às instituições, bem como a aplicação desses recursos serão auditados pela Ernst & Young, a EY, que atuará de forma voluntária neste projeto.
Os interessados em contribuir poderão fazer seus depósitos diretamente na conta corrente disponibilizada pela Ação da Cidadania, que irá centralizar a arrecadação e depois repassará parte dos recursos para as outras duas entidades.
Razão Social: Associação Comitê Rio da Ação da Cidadania Contra a Fome, a Miséria e Pela Vida.
CNPJ: 00.346.076/0001-73
Banco: Itaú
Agência: 0417
Conta Corrente: 65.638-6
Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!