quarta-feira, janeiro 26, 2022
InícioPoderSindicalista leva ao MP denúncia contra prefeito Charlinho

Sindicalista leva ao MP denúncia contra prefeito Charlinho

Dirigente do Movimento Unificado dos Servidores Públicos de Itaguaí (Muspi), a ativista Cristiane Gerardo protocolou, na manhã desta segunda-feira (18), uma denúncia solicitando que o Ministério Público (MP) investigue as graves denúncias apresentadas pelo vereador Gil Torres contra o prefeito Carlo Busatto Júnior, o Charlinho, a respeito de assédio sexual contra mulheres que lhe procuravam para pedir uma oportunidade de trabalho na prefeitura.

De acordo com a denunciante, a Câmara Municipal de Itaguaí não pode se colocar numa posição de mera expectadora de publicações em redes sociais acerca de denúncias gravíssimas de assédio sexual. “O vereador não pode somente fazer a denúncia. Ele tem que vir ao Ministério Público apresentar as provas para que o MP promova o devido inquérito que criminalize a prática do prefeito. Prefeito não, esse canalha! Porque o município de Itaguaí não tem um prefeito, tem um canalha no poder que se aproveita da situação de vulnerabilidade social em que ele deixou as mulheres dessa cidade para ficar tentando forjar a obtenção de favores sexuais, quando as mulheres só querem sobreviver. Então, isso é indigno e repugnante. Não é possível que a Câmara de Vereadores se coloque na posição de mera expectadora, lançando notas de apoio e solidariedade. Nós precisamos de ação”, salientou Cristiane Gerardo. 

De acordo com servidor do MP, a denúncia protocolocada pela dirigente do Muspi será encaminhada para a Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Angra dos Reis.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!