quinta-feira, outubro 21, 2021
InícioSem categoriaPolícia deflagra operação para prender roubadores que atuam na Baixada

Polícia deflagra operação para prender roubadores que atuam na Baixada

De acordo com a Polícia Civil grande parte dos roubos praticados na região são fomentados por organizações criminosas de tráfico de drogas A Secretaria de Estado de Polícia Civil (Sepol), por meio das 19 delegacias distritais da Baixada Fluminense e da Divisão de Capturas (DC-Polinter), realizou na quinta-feira (10) uma operação para cumprir mandados de prisão de foragidos da Justiça acusados da prática de crimes de roubo. A ação está ocorrendo nos 13 municípios da Baixada Fluminense. Até o momento 53 pessoas foram presas. De acordo com a Polícia Civil, os mandados foram expedidos com base em inquéritos das delegacias do Departamento Geral de Polícia da Baixada (DGPB) e levantamento feito pela DC-Polinter. Segundo as investigações, grande parte dos roubos praticados na região são fomentados por organizações criminosas de trá

De acordo com a Polícia Civil grande parte dos roubos praticados na região são fomentados por organizações criminosas de tráfico de drogas

A Secretaria de Estado de Polícia Civil (Sepol), por meio das 19 delegacias distritais da Baixada Fluminense e da Divisão de Capturas (DC-Polinter), realizou na quinta-feira (10) uma operação para cumprir mandados de prisão de foragidos da Justiça acusados da prática de crimes de roubo. A ação está ocorrendo nos 13 municípios da Baixada Fluminense. Até o momento 53 pessoas foram presas.

De acordo com a Polícia Civil, os mandados foram expedidos com base em inquéritos das delegacias do Departamento Geral de Polícia da Baixada (DGPB) e levantamento feito pela DC-Polinter. Segundo as investigações, grande parte dos roubos praticados na região são fomentados por organizações criminosas de tráfico de drogas. Os criminosos, além de incentivar a prática do crime, emprestavam armas para os roubadores de carga, veículos, transeuntes, residências, instituições financeiras e estabelecimentos comerciais, visando o aumento de lucro das ações ilícitas.

De acordo com o diretor do DGPB, Felipe Curi, de janeiro a setembro desse ano 2.400 autorias de roubos na região foram elucidadas, cerca de 49% a mais que em 2018, e os criminosos tiveram a prisão solicitada à Justiça. Ainda segundo o diretor, mais de 400 roubadores já foram presos em 2019 pelas delegacias da Baixada, aproximadamente 118% a mais do que no ano anterior.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!