sexta-feira, outubro 22, 2021
InícioPoderENTREVISTA: Rubem Vieira, prefeito reeleito de Itaguaí

ENTREVISTA: Rubem Vieira, prefeito reeleito de Itaguaí

RENATO REIS

renato.reis@jornalatual.com.br

Ainda se recuperando dos efeitos da covid-19, que o manteve hospitalizado durante um período, o prefeito reeleito de Itaguaí, Rubem Vieira (Podemos), já arregaçou as mangas para dar continuidade a uma administração que, aprovada, garantiu-lhe uma eleição sobre nomes até então considerados pesos-pesados da política municipal. Em contato por vídeo conferência com o seu secretariado, Dr. Rubão, como é mais conhecido, diz que todos os auxiliares estão em permanente avaliação. Sobre as prioridades, ele diz que a situação da cidade era tão complicada que transforma tudo em desafio. Mesmo assim, ele elencou saúde, segurança, educação, emprego e renda como os setores que terão mais atenção. Quanto à vitoriosa campanha, o prefeito é enfático. “Fui alvo de inúmeros ataques mentirosos, poré

RENATO REIS

renato.reis@jornalatual.com.br

Ainda se recuperando dos efeitos da covid-19, que o manteve hospitalizado durante um período, o prefeito reeleito de Itaguaí, Rubem Vieira (Podemos), já arregaçou as mangas para dar continuidade a uma administração que, aprovada, garantiu-lhe uma eleição sobre nomes até então considerados pesos-pesados da política municipal. Em contato por vídeo conferência com o seu secretariado, Dr. Rubão, como é mais conhecido, diz que todos os auxiliares estão em permanente avaliação. Sobre as prioridades, ele diz que a situação da cidade era tão complicada que transforma tudo em desafio. Mesmo assim, ele elencou saúde, segurança, educação, emprego e renda como os setores que terão mais atenção. Quanto à vitoriosa campanha, o prefeito é enfático. “Fui alvo de inúmeros ataques mentirosos, porém, mostramos a verdade e acabamos com as fake news. Costumo dizer como nunca foi sorte, sempre foi Deus”, reflete o prefeito, na entrevista que segue:

“Estou aberto ao diálogo em prol de Itaguaí”

 

Jornal Atual – Qual é, hoje, a sua condição física?
Rubem Vieira – Posso dizer que estou com 80% recuperado. Ainda aguardo resultados de exames complementares.

 

Tendo superado a covid-19, o que o senhor pensa sobre as polêmicas em torno da aplicação das vacinas contra a doença?

Acredito nas orientações do Ministério da Saúde e demais órgãos competentes.

 

Quando pretende retornar às atividades normais?

Permaneço aguardando os resultados de exames complementares. Tenho trabalhado via vídeo conferência com o meu secretariado.

 

O senhor assumiu a cidade vivendo uma intensa crise político-administrativa, num ano particularmente difícil. Qual a receita para ter superado as dificuldades e vencido uma eleição contra consideráveis grupos políticos da cidade?
Costumo dizer como nunca foi sorte, sempre foi Deus. Fui alvo de inúmeros ataques mentirosos, porém, mostramos a verdade e acabamos com as fake news.

 

Haverá mudanças na composição de seu secretariado?

Todos os secretários estão sendo avaliados no decorrer do mandato.

 

Quais os principais desafios que o senhor vai enfrentar a partir de 1º de janeiro?

É do conhecimento de todos que a cidade estava abandonada! Há muito o que ser feito, por isso, tudo é um desafio.

 

Quais serão as prioridades de sua administração?
Saúde, segurança, educação, emprego e renda terão mais atenção para melhorar a qualidade de vida da população de Itaguaí.

 

Os anos recentes foram de intensas turbulências na relação do Executivo com o Legislativo. Qual será o seu relacionamento com a Câmara Municipal de Itaguaí?

Itaguaí precisa avançar, crescer e progredir. Estou aberto ao diálogo em prol da população de Itaguaí.

 

O desafio do retorno às aulas volta ao centro das atenções com a proximidade do ano de 2021. Como o senhor pretende conduzir a retomada das aulas presenciais?
As atividades presenciais das redes de ensino continuam suspensas. Existe um retorno gradativo das atividades presenciais para o ano que vem, em fevereiro, desde que obedeça às condições estabelecidas pela Vigilância Sanitária e observe a bandeira em que o município se encontrará (cores amarela, laranja, verde ou vermelha). Lembrando, caberá aos pais ou responsáveis legais decidir pelo retorno dos alunos às atividades presenciais nas escolas, mediante a assinatura de Termo de Consentimento.

 

O governador interino inaugurou um novo slogan, o “Todos pelo Rio”, sinalizando união entre Governo Federal, o estado e os municípios. Que impactos o senhor espera que essa iniciativa gere em Itaguaí?

Espero bons relacionamentos para Itaguaí! Precisamos reduzir o desemprego, fomentar o comércio e alavancar a indústria.

 

O chamado ecoturismo é um setor em pleno crescimento em todo o mundo, porém ignorado em Itaguaí. Como aproveitar essa relevante vocação da cidade?

Tenho consciência que o ecoturismo de Itaguaí tem um grande potencial. Já temos planos para a retomada de muitas atividades após a crise da pandemia. Temos as serras que são usadas por trilheiros, motos, Jeeps, além do parapente. Inclusive trouxe o ICMS verde para investir no ecoturismo da nossa cidade.

 

Eram recorrentes as dificuldades que empresas enfrentavam para se instalar na cidade. Como o senhor pretende lidar com essa situação?
Nós queremos fazer com que Itaguaí tenha credibilidade. E hoje estamos batendo recorde de arrecadação do Imposto sobre Transmissão de Bens Imóveis dos últimos seis anos. Isso já é um sinal de investidores que estão acreditando nesse crescimento e que estão comprando terras em nossa cidade. Também estamos trabalhando para desburocratizar a prefeitura e, assim, agilizar a instalação de novas empresas. Tenho certeza de que em 2021 muitas novas empresas estarão instaladas no município.

 

Como conciliar a vocação rural da cidade com a crescente industrialização?

Nosso parque industrial será revitalizado, trazendo de volta a prosperidade com política de incentivo e compensação aos pequenos e médios produtores rurais da região para fornecer às indústrias. Essa ação fomentará a economia local.

 

Itaguaí nunca teve uma plena integração de seu porto com a rotina da cidade. Como trabalhar por essa aproximação, levando em conta a importância estratégica nacional do complexo?

A importância do porto é indiscutível. Vamos manter parcerias que sustentem boas relações e que gerem benefícios para nossa população.

 

O senhor pretende buscar integração com os municípios vizinhos para buscar caminhos conjuntos para problemas comuns, como preconiza a Câmara Metropolitana do Rio?

Certamente! A integração dos municípios é importantíssima para o desenvolvimento da região como um todo.

 

 

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!