sábado, outubro 23, 2021
InícioSem categoriaDesafio de caiaques reúne mais de 1.800 atletas em Itacuruçá

Desafio de caiaques reúne mais de 1.800 atletas em Itacuruçá

Desafiator Kayak Fishing (DKF) contou com mais de 1.800 atletas e arrecadou mais de quatro toneladas de alimentos não perecíveis Nem mesmo o mar agitado na manhã de domingo (6), desanimou os aventureiros da pesca em caiaque. E o distrito de Itacuruçá sediou mais uma vez o Desafiator Kayak Fishing (DKF). É o maior evento da categoria do mundo, reunindo mais de 1.800 atletas de todos os cantos, inclusive estrangeiros. A secretaria Turismo, Cultura, Eventos, Esporte e Lazer de Mangaratiba apoiou o evento. A largada aconteceu às 8h30 e durante duas horas de prova os competidores disputaram o título nas águas de Mangaratiba.  O grande campeão foi Anderson, do Tchê Tchê Tchê Team, que fisgou um Baiacu de mais de 3kg. O vencedor ainda faturou, além de troféu e medalhas, um pacote de pesca em Tocantins, um caiaque ‘barracuda’ e um fim d

Desafiator Kayak Fishing (DKF) contou com mais de 1.800 atletas e arrecadou mais de quatro toneladas de alimentos não perecíveis

Nem mesmo o mar agitado na manhã de domingo (6), desanimou os aventureiros da pesca em caiaque. E o distrito de Itacuruçá sediou mais uma vez o Desafiator Kayak Fishing (DKF). É o maior evento da categoria do mundo, reunindo mais de 1.800 atletas de todos os cantos, inclusive estrangeiros. A secretaria Turismo, Cultura, Eventos, Esporte e Lazer de Mangaratiba apoiou o evento.

A largada aconteceu às 8h30 e durante duas horas de prova os competidores disputaram o título nas águas de Mangaratiba.  O grande campeão foi Anderson, do Tchê Tchê Tchê Team, que fisgou um Baiacu de mais de 3kg. O vencedor ainda faturou, além de troféu e medalhas, um pacote de pesca em Tocantins, um caiaque ‘barracuda’ e um fim de semana na Pousada do Sahy. Em segundo ficou Marcelo do Grupo CFRJ, com um robalo de 2.850 quilos. A terceira colocação foi para Daniel, do Grupo CPCRJ, com uma pescada amarela de 2.435 quilos. Todos os peixes capturados para valer a contagem de pontos devem ser liberados com vida.

“O evento superou todas as expectativas. A Prefeitura deu apoio total, com estrutura. O prefeito Alan Bombeiro ficou satisfeito. Foi um golaço para Mangaratiba, assim como foi a competição de ciclismo. São eventos internacionais que dão projeção para a cidade. Os atletas são muito ordeiros, sem prejuízo algum para a cidade. As pousadas, hotéis e comércios ficaram lotados e os empresários ficaram satisfeitos. Itacuruçá teve um fim de semana ímpar”, declarou o secretário de Turismo, Cultura, Eventos, Esporte e Lazer, Roberto Monsores.

 Mais de quatro toneladas de alimentos não perecíveis foram arrecadados e serão distribuídos a moradores carentes da cidade.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!