sábado, outubro 23, 2021
InícioPoderDenúncias contra Charlinho agora via digital

Denúncias contra Charlinho agora via digital

Através do “Suburb’anna”, canal criado no YouTube, presidente do Fundeb Itaguaí denuncia manobras como contratos de obras superfaturadas Reagindo às várias ameaças que passou a receber depois que começou a fazer acentuadas críticas à administração do prefeito de Itaguaí, Carlo Busatto Junior, o Charlinho, a presidente do Conselho de Acompanhamento e Controle Social do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação em Itaguaí (Cacs-Fundeb Itaguaí), Anna Paula de Albuquerque Sales, decidiu criar um canal no YouTube, por meio do qual intensifica denúncias contra o que considera desmandos do prefeito Charlinho. No canal intitulado Suburb’Anna, Anna Paula posta vídeos que, segundo ela, revelam manobras nada republicanas orquestradas por Charlinho, incluindo contratos d

Através do “Suburb’anna”, canal criado no YouTube, presidente do Fundeb Itaguaí denuncia manobras como contratos de obras superfaturadas

Reagindo às várias ameaças que passou a receber depois que começou a fazer acentuadas críticas à administração do prefeito de Itaguaí, Carlo Busatto Junior, o Charlinho, a presidente do Conselho de Acompanhamento e Controle Social do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação em Itaguaí (Cacs-Fundeb Itaguaí), Anna Paula de Albuquerque Sales, decidiu criar um canal no YouTube, por meio do qual intensifica denúncias contra o que considera desmandos do prefeito Charlinho.

No canal intitulado Suburb’Anna, Anna Paula posta vídeos que, segundo ela, revelam manobras nada republicanas orquestradas por Charlinho, incluindo contratos de obras superfaturadas, desapropriação de terrenos, contratos de locação de terrenos para construção de alojamentos, dentre outros. “Tomei essa decisão por ser uma cidadã e por ter sido citada pelo prefeito durante uma entrevista dele a um programa nas redes sociais no dia 8 de julho. E também por ameaças que venho recebendo por telefone de pessoas ligadas ao prefeito e de páginas fakes nas redes sociais. Minha vida virou um pesadelo depois que eu entrei para o Conselho do Fundeb”, acentua Anna Paula.

Em entrevista ao atual, Anna Paula disse que já prestou dois depoimentos na Promotoria de Justiça de Investigação Penal no Ministério Público (MP) de Itaguaí e registrou uma ocorrência na 50ª DP (Itaguaí). “Após prestar depoimentos ao MP, tenho sofrido retaliações para não fiscalizar as verbas destinadas ao município e da qualidade da educação oferecida às crianças em seus mais variados aspectos”, explicou.

Em um dos vídeos, denominado “Os bastidores da corrupção entranhada em Itaguaí!”, Anna Paula se refere a dois momentos de sua vida: no primeiro ela relata sua passagem pela construtora A.R.G. LTDA, de 2011 a 2012; o segundo é sobre sua presença na Construtora Lytorânea. No vídeo, Ana Paula denuncia o que todo mundo já sabia, mas não tinha certeza. Dia que o prefeito Charlinho era o dono da Lytorânea. “As obras da rodoviária de Brisamar, de escolas, creches, do calçadão, do Centro de Convivência da Terceira Idade e do Parque Municipal tudo isso passou pelas minhas mãos. Dá dó de ver o desperdício de dinheiro público, a extorsão às empresas que bancaram tudo isso”, critica Anna Paula, na denúncia no canal Suburb’anna.  

Em outro trecho do vídeo, Anna Paula pede respeito e diz que está cansada de ser sabotada, boicotada e incriminada. Em seguida, denuncia que o escritório que defende a Lytorânea é do procurador do município, Alexandre Kuwada Oberg Ferraz. “Quantas famílias e trabalhadores não foram prejudicados. Infelizmente não era só eu que me sentia um peixe fora d’água lá na Lytorânea. Tinha pessoas e profissionais competentes, que muito me orgulha de ter trabalhado com eles, mas infelizmente estávamos no lugar e no momento errado. Hoje, quando passo por uma escola, que não foi entregue e não está em funcionamento, dói no coração”, lamenta a presidente do Conselho do Fundeb Itaguaí, finalizando com um recado ao prefeito Charlinho. “Não adianta querer me ameaçar, pedindo o povo para mandar mensagens via WhatsApp, para eu parar com as denúncias”. Anna Paula diz que sua cruzada não para por aí, e que outros vídeos já estão prontos para ser lançados no canal. 

O atual fez contato por email com a Prefeitura de Itaguaí para saber o posicionamento oficial sobre as denúncias, mas até o fechamento desta edição não obteve retorno.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!