quarta-feira, dezembro 1, 2021
InícioCultura/DiversãoCalçadão de Itaguaí terá evento literário aberto a todas as idades

Calçadão de Itaguaí terá evento literário aberto a todas as idades

Grupo montou programação para promoção de livros e escritores de Itaguaí

O amor às letras e ao estudo da língua portuguesa é a força motriz da Confraria Literária, recentemente fundada por dez pessoas apaixonadas por literatura em Itaguaí. Por meio de eventos, cursos e oficinas, o grupo promete realizar saraus para promover autores locais e incentivar o surgimento de novos escritores. O evento inaugural, intitulado Amantes do Livro, acontecerá no dia 10 de dezembro, no Calçadão de Itaguaí, das 9h às 16h. Há programação de diversas atividades, que incluem divulgação de obras próprias, declamação de poesias autorais e música ao vivo, dentre outras, para todas as idades. “É o início de novos tempos para a literatura em Itaguaí. Queremos despertar o gosto pela leitura, que abre as portas para mundos inimagináveis do saber e do desenvolvimento”, afirma Pedro Lodi, um dos idealizadores da Conf

O amor às letras e ao estudo da língua portuguesa é a força motriz da Confraria Literária, recentemente fundada por dez pessoas apaixonadas por literatura em Itaguaí. Por meio de eventos, cursos e oficinas, o grupo promete realizar saraus para promover autores locais e incentivar o surgimento de novos escritores.

O evento inaugural, intitulado Amantes do Livro, acontecerá no dia 10 de dezembro, no Calçadão de Itaguaí, das 9h às 16h. Há programação de diversas atividades, que incluem divulgação de obras próprias, declamação de poesias autorais e música ao vivo, dentre outras, para todas as idades.

“É o início de novos tempos para a literatura em Itaguaí. Queremos despertar o gosto pela leitura, que abre as portas para mundos inimagináveis do saber e do desenvolvimento”, afirma Pedro Lodi, um dos idealizadores da Confraria Literária, ao lado do amigo Antonny José.

Ele diz que o grupo pretende inspirar e abrir caminho para muitos outros do gênero, para assim ampliar ainda mais o espaço e as oportunidades aos amantes dos livros.

“Pequenos grupos com ideais definidos permeiam a história universal e nacional.
Com grande alegria e, por que não dizer, com orgulho virtuoso, também pretendemos marcar época e abrir uma nova era cultural na cidade”, aponta Lodi, que é advogado e professor de cursos livres de português, redação e contabilidade, e tem dois livros publicados, além de escrever crônicas para sites e blogs.

Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!