quarta-feira, outubro 20, 2021
InícioPoderCharlinho está aí?

Charlinho está aí?

Parece que o prefeito de Itaguaí e seu vice estão brincando de esconde esconde com a Câmara de vereadores da cidade. Esse comportamento está virando piada, de mau gosto, diga-se de passagem. Tanto Carlo Busatto Junior, o Charlinho, quanto Abeilard Goulart de Souza, o Abeilardinho, estão evitando serem notificados para tomarem ciência de duas Comissões Especiais Processantes (CEP) que denunciam possível contratação irregular de empresa de lixo e por ter estourado o limite constitucional de gastos com pessoal.

O caso ganhou repercussão estadual depois que o jornal RJTV, da emissora Globo, noticiou quinta-feira (21) a dificuldade que os vereadores estão tendo em notificar os chefes do Poder Executivo municipal, expondo a cidade ao ridículo com essas circunstâncias.

Repórter e produção do jornal televisivo voltaram à cidade nesta sexta-feira

Parece que o prefeito de Itaguaí e seu vice estão brincando de esconde esconde com a Câmara de vereadores da cidade. Esse comportamento está virando piada, de mau gosto, diga-se de passagem. Tanto Carlo Busatto Junior, o Charlinho, quanto Abeilard Goulart de Souza, o Abeilardinho, estão evitando serem notificados para tomarem ciência de duas Comissões Especiais Processantes (CEP) que denunciam possível contratação irregular de empresa de lixo e por ter estourado o limite constitucional de gastos com pessoal.

O caso ganhou repercussão estadual depois que o jornal RJTV, da emissora Globo, noticiou quinta-feira (21) a dificuldade que os vereadores estão tendo em notificar os chefes do Poder Executivo municipal, expondo a cidade ao ridículo com essas circunstâncias.

Repórter e produção do jornal televisivo voltaram à cidade nesta sexta-feira (22) depois que o Charlinho divulgou vídeo na tarde de quinta nas Redes Sociais da prefeitura desmentindo que estaria sumido. Em tom de chacota, no vídeo, o prefeito afirmou que está todos os dias na prefeitura e acusou o presidente da Câmara, Rubem Vieira, de estar arquitetando um plano com o único objetivo de ocupar a cadeira de prefeito e que estaria barganhando com os demais vereadores com a intenção de cassa-lo. “É surreal esse complô que estão fazendo. Estou todos os dias aqui”, afirma Charlinho que usa de exemplos ações que a prefeitura está fazendo como se fosse ele quem estaria executando, como a instalação da barreira sanitária e a criação do centro de triagem da Covid-19.

Charlinho chegou a aumentar o tom no pronunciamento quando voltou a falar o nome do presidente da Câmara, citando em seguida o nome do pai de Rubem, que também foi vereador presidente da Câmara do Rio de Janeiro, acusando-o em seguida de ser egoísta e perverso ao colocar seus interesses à frente “na vida do ser humano”.

O prefeito questionou, ainda, a motivação da Rede Globo em fazer matéria na cidade dizendo que existem outros 91 municípios no estado. Ele chegou a se fazer de vítima, dizendo-se sentido com tudo isso: “é duro a gente ver a manobra dessa gente; o interesse dessa gente..”.

A reportagem do RJTV demonstrou que esteve no gabinete e nas casas do prefeito e vice e apurou informações de que ambos estariam ausentes do cenário itaguaiense. A Globo demonstrou, inclusive, a conta de luz da residência do Charlinho em Itaguaí que está sem consumo de energia desde novembro de 2019, diferente da conta de sua moradia em apartamento de luxo na Barra da Tijuca que foi de R$ 2.650,11 no mês de abril.

Abeilardinho também aproveitou as redes sociais para declarar que está trabalhando no gabinete móvel de crise, visitando os locais que estão sendo usados para atendimento a Covid-19. Disse que não entende por que a Câmara o estaria procurando, uma vez que já protocolou, inclusive, sua defesa, informação que a reportagem do Jornal Atual comprovou ser verdadeira.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!