sexta-feira, dezembro 3, 2021
InícioSem categoriaAlunos colocam fogo em lixeira e provocam incêndio em escola de Itaguaí

Alunos colocam fogo em lixeira e provocam incêndio em escola de Itaguaí

Dois alunos da Escola Municipal Maria Guilhermina de Souza Freire, no bairro Leandro, em Itaguaí provocaram um incêndio na unidade escolar após atear fogo na lixeira de uma das salas de aula, na noite de terça-feira (13). O Corpo de Bombeiros foi acionado para controlar o incêndio que se espalhou rapidamente. De acordo com a direção da escola, não houve feridos, apenas danos materiais. A direção informou ainda que os alunos são maiores de idade e serão punidos com expulsão sumária.  Em nota, a Prefeitura de Itaguaí lamentou o ocorrido informou que a diretora da escola foi à 50ª DP (Itaguaí) com testemunhas para registrar o caso. Confira a nota da prefeitura: “Na noite desta terça-feira (13/08), dois alunos da E.M. Prof. Maria Guilhermina de Souza Freire, localizada no Bairro Leandro, irresponsavelmente, colocaram fogo

Dois alunos da Escola Municipal Maria Guilhermina de Souza Freire, no bairro Leandro, em Itaguaí provocaram um incêndio na unidade escolar após atear fogo na lixeira de uma das salas de aula, na noite de terça-feira (13).

O Corpo de Bombeiros foi acionado para controlar o incêndio que se espalhou rapidamente. De acordo com a direção da escola, não houve feridos, apenas danos materiais.

A direção informou ainda que os alunos são maiores de idade e serão punidos com expulsão sumária.  Em nota, a Prefeitura de Itaguaí lamentou o ocorrido informou que a diretora da escola foi à 50ª DP (Itaguaí) com testemunhas para registrar o caso.

Confira a nota da prefeitura:

“Na noite desta terça-feira (13/08), dois alunos da E.M. Prof. Maria Guilhermina de Souza Freire, localizada no Bairro Leandro, irresponsavelmente, colocaram fogo na lixeira de uma das salas de aula, que veio a se espalhar por toda a sala. Os Bombeiros foram acionados e controlaram o princípio de incêndio. As Diretoras se encaminharam para a delegacia, juntamente com as testemunhas do ocorrido, para as providências legais. A Unidade Escolar e a SMEC tomarão as medidas legais cabíveis com relação aos alunos envolvidos. A Prefeitura lamenta muito esse tipo de conduta, uma vez que vem trabalhando incansavelmente, através da Secretaria de Educação e Cultura, para proporcionar o melhor a todos os alunos. Felizmente, ninguém se feriu, porém os danos materiais foram inevitáveis.”

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!