sábado, junho 25, 2022
InícioDestaqueVídeo: “É um abuso, uma falta respeito”, diz Gil Torres sobre falta...

Vídeo: “É um abuso, uma falta respeito”, diz Gil Torres sobre falta d´água em Itaguaí

Presidente da Câmara engrossa o coro sobre insatisfação com serviços da Cedae; e menciona também a Light

Foi na sessão legislativa de quarta-feira (23): o presidente da Câmara Municipal de Itaguaí (CMI), vereador Gil Torres (PSL) usou palavras duras para se referir aos constantes problemas de fornecimento de água pela Cedae na cidade. Ele também incluiu a Light na sua reclamação pública. O presidente publicou na sua página pessoal no Facebook o trecho da sessão em que mencionou o assunto.

Torres disse: “O que está acontecendo nos finais de semana na nossa cidade é um abuso. Eu, como chefe do poder legislativo não posso me omitir. É um descaso o que está acontecendo com a população. Todo final de semana está faltando água em diversos bairros. Isso não existe, é uma falta de respeito com o munícipe. Acredito que não esteja acontecendo só no município de Itaguaí, mas eu sou uma autoridade legislativa desse município e estarei cobrando”.

Com várias folhas de papel em mãos, ele continuou: “Estou aqui com diversos ofícios de desde o início do ano passado cobrando não só a Cedae, mas também a Light. É uma falta de respeito com a população”.

Em seguida, Gil Torres pediu que a Câmara se mobilizasse para convocar representantes da Cedae e da Light para prestar esclarecimentos aos vereadores.

As reclamações da população de Itaguaí se repetem nas redes sociais há bastante tempo, com bastante indignação. Em especial no último mês, as pessoas relatam que das torneiras não sai nada, principalmente aos finais de semana.

CPI e INVASÃO

O presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da CMI, Jocimar do Cartório (PTC) sugeriu na mesma sessão legislativa a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito para apurar os motivos da deficiência nos serviços prestados pela Cedae e pela Light. Segundo ele, a Comissão que ele preside convocou representantes das duas fornecedoras, mas nunca obteve resposta.

Na segunda-feira (21), moradores de Chaperó ocuparam a agência da Light no município para protestar contra a falta de luz no bairro. Eles ficaram sem o fornecimento por quase 24 horas.

O ATUAL entrou em contato com a assessoria de imprensa da Cedae, mas até o fechamento desta matéria não recebeu resposta.

Matérias relacionadas

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!