quinta-feira, outubro 21, 2021
InícioPoderPrefeito de Itaguaí confirma a continuidade do concurso público

Prefeito de Itaguaí confirma a continuidade do concurso público

O prefeito de Itaguaí, Rubem Vieira de Souza (Podemos), garantiu que o anunciado e esperado concurso público destinado à contratação de 754 profissionais para diversos cargos não será cancelado. Ele fez essa declaração durante a sessão da terça-feira (17), na Câmara Municipal de Itaguaí (CMI). O chefe do Poder Executivo usou a tribuna da CMI para falar também sobre dois casos suspeitos de coronavírus em Itaguaí e relatar as ações que serão aplicadas para prevenir a covid 19 no município.
A declaração de Rubem Vieira sobre a continuidade do concurso foi em resposta ao vereador Gil Torres, que questionou sobre sua realização ou não, com base na grande repercussão que o assunto ganhou nas redes sociais. O prefeito disse que a Secretaria de Administração, responsável pelo certame, está discutindo a questão. “Cancelar não será c

O prefeito de Itaguaí, Rubem Vieira de Souza (Podemos), garantiu que o anunciado e esperado concurso público destinado à contratação de 754 profissionais para diversos cargos não será cancelado. Ele fez essa declaração durante a sessão da terça-feira (17), na Câmara Municipal de Itaguaí (CMI). O chefe do Poder Executivo usou a tribuna da CMI para falar também sobre dois casos suspeitos de coronavírus em Itaguaí e relatar as ações que serão aplicadas para prevenir a covid 19 no município.
A declaração de Rubem Vieira sobre a continuidade do concurso foi em resposta ao vereador Gil Torres, que questionou sobre sua realização ou não, com base na grande repercussão que o assunto ganhou nas redes sociais. O prefeito disse que a Secretaria de Administração, responsável pelo certame, está discutindo a questão. “Cancelar não será cancelado, porém há uma grande dúvida. O que pode acontecer é a suspensão temporária do concurso, por causa do coronavírus”, explicou o prefeito, que respondeu ainda a outros questionamentos dos parlamentares. Segundo informações extraoficiais, a data de inscrição poderá ser prorrogada, assim como o dia da prova corre o risco de ser adiado.
Por mais de uma hora ocupando a tribuna, o prefeito informou também que na segunda-feira (16), junto com o secretário interino de Saúde, doutor Carlos Zóia, marcou presença numa reunião emergencial com o governador Wilson Witzel, prefeitos e secretários de Saúde. “No encontro, foram anunciadas e discutidas novas medidas para conter o avanço da epidemia. Também foram estabelecidas novas parcerias para o apoio aos municípios e protocolos a serem seguidos. Além da criação de 600 leitos para tratamento de casos que venham a surgir no estado”, disse Rubem Vieira, alertando para gravidade do coronavírus. O prefeito disse que todas as medidas cabíveis foram tomadas, mas conta com o apoio dos vereadores para aprovar as medidas emergenciais no período de 90 dias.
Após o pronunciamento do prefeito, os vereadores aprovaram, com dispensa de interstício, duas mensagens com pedidos de urgência encaminhadas pelo Poder Executivo, uma que autoriza a contratação, por tempo determinado, de médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, para atender as demandas do gabinete de crise; e a outra com pedido de abertura de créditos adicionais para efetuar o pagamento dos funcionários contratados.
Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!