domingo, novembro 28, 2021
InícioItaguaíPraia da Gamboa recebe o “Defensoria nas Ilhas do Rio”

Praia da Gamboa recebe o “Defensoria nas Ilhas do Rio”

Mais de trezentas pessoas foram atendidas no último sábado (7) no projeto “Defensoria nas Ilhas do Rio”, organizado pela Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro em parceria com a Prefeitura de Mangaratiba. A ação aconteceu na praia da Gamboa, Ilha de Itacuruçá e teve objetivo levar cidadania à população local que, muitas vezes, tem dificuldade para se deslocar até o continente. O vice-prefeito Chicão da Ilha prestigiou o evento.
Entre os serviços que foram oferecidos estão casos de Vara de Família (ação de alimentos, guarda, divórcio, conversão de união estável em casamento, investigação de paternidade); atendimento para o registro civil de pessoas, com foco no registro tardio de nascimento, para o público que não possui certidão; e casos do Juizado Especial Cível que tratam de questões sobre Defesa do Consumidor.
Andr

Mais de trezentas pessoas foram atendidas no último sábado (7) no projeto “Defensoria nas Ilhas do Rio”, organizado pela Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro em parceria com a Prefeitura de Mangaratiba. A ação aconteceu na praia da Gamboa, Ilha de Itacuruçá e teve objetivo levar cidadania à população local que, muitas vezes, tem dificuldade para se deslocar até o continente. O vice-prefeito Chicão da Ilha prestigiou o evento.
Entre os serviços que foram oferecidos estão casos de Vara de Família (ação de alimentos, guarda, divórcio, conversão de união estável em casamento, investigação de paternidade); atendimento para o registro civil de pessoas, com foco no registro tardio de nascimento, para o público que não possui certidão; e casos do Juizado Especial Cível que tratam de questões sobre Defesa do Consumidor.
André Bernardes Lopes, defensor público que coordena a região 9 (Seropédica, Paraty, Angra dos Reis, Itaguaí e Mangaratiba) acredita que o projeto facilita o acesso dos cidadãos aos serviços públicos, incentivando a cidadania e modernizando a prestação jurisdicional.
Natália Correa Miranda foi acompanhada do então namorado, Hugo Miranda, realizar o sonho do matrimônio. “Infelizmente para se casar temos que gastar uma certa quantia em dinheiro que não tínhamos disponível. Encontramos hoje aqui uma oportunidade muito boa e viemos aproveitar. Estou muito feliz”.
Mariane Nascimento, moradora da Gamboa, foi uma das 200 pessoas que buscaram orientação jurídica. “Estou muito feliz em obter informações sobre os meus direitos. Tenho problemas com o pai do meu filho que precisam ser resolvidos e tenho certeza que agora irei solucionar”.
A secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Cecília Cabral, disse que a ação foi bem satisfatória. “Fizemos um levantamento nas Ilhas das demandas das famílias atendidas e vimos à necessidade de trazer o projeto. A parceria foi um sucesso e estamos felizes com o resultado”.
Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!