quarta-feira, outubro 20, 2021
InícioSem categoriaMangaratiba apresenta projeto de proteção a vítimas de violência

Mangaratiba apresenta projeto de proteção a vítimas de violência

Objetivo é proporcionar atendimento especializado às mulheres, idosos, crianças e adolescentes vítimas de violência, através de um atendimento humanizado A Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos apresentou na quarta-feira (3), na Comarca de Mangaratiba, no bairro El Ranchito, o Projeto ‘Núcleo de Atendimento Especializado para Mulher, Idoso, Criança e Adolescente’ conhecido como ‘Projeto Borboleta’. O objetivo da proposta é proporcionar atendimento especializado às mulheres, idosos, crianças e adolescentes vítimas de violência, através de um atendimento humanizado dentro da delegacia. De acordo com o secretário de Assistência Social e Direitos Humanos, Paulo Tavares, a proposta do projeto é proporcionar acolhimento às vitimas de violência. “Para que essas pessoas possam chegar à delegacia e serem acolhidas po

Objetivo é proporcionar atendimento especializado às mulheres, idosos, crianças e adolescentes vítimas de violência, através de um atendimento humanizado

A Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos apresentou na quarta-feira (3), na Comarca de Mangaratiba, no bairro El Ranchito, o Projeto ‘Núcleo de Atendimento Especializado para Mulher, Idoso, Criança e Adolescente’ conhecido como ‘Projeto Borboleta’. O objetivo da proposta é proporcionar atendimento especializado às mulheres, idosos, crianças e adolescentes vítimas de violência, através de um atendimento humanizado dentro da delegacia.

De acordo com o secretário de Assistência Social e Direitos Humanos, Paulo Tavares, a proposta do projeto é proporcionar acolhimento às vitimas de violência. “Para que essas pessoas possam chegar à delegacia e serem acolhidas por psicólogos, assistentes sociais, e que se sintam mais seguras de prestar os depoimentos, explicando de fato o que aconteceu, sem medo de falar”, acrescentou.

Participaram do encontro além das equipes da Secretaria, o delegado Anderson Ribeiro da 165ª DP, o juiz Marcelo Barbosa, e a superintendente de Enfrentamento a Violência do Estado, Luciana Correia.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!