sábado, outubro 23, 2021
InícioSem categoriaCosta Verde na festa do Vasco da Gama na Zona Oeste

Costa Verde na festa do Vasco da Gama na Zona Oeste

COMEMORAÇÃO Os 122 anos de fundação do Clube de Regatas Vasco da Gama tiveram uma celebração especial no domingo (23), na comunidade Manguariba II, em Campo Grande, onde a torcida organizada local transformou o Bar do Bugica num autêntico território cruzmaltino, com a presença de ninguém menos que o maior ídolo do clube de São Cristóvão, Roberto Dinamite, que fez a alegria de torcedores de diferentes gerações ao distribuir autógrafos, posar para fotos e se irmanar com aqueles que celebravam as diversas conquistas do Gigante da Colina. 

Agregando torcedores das cidades de Angra dos Reis, Itaguaí, Mangaratiba e Paraty, a Torcida Costa Verde marcou presença na festa, representada pelo seu presidente Anderson dos Santos, o Tiãozinho, de Conceição de Jacareí. “Foi uma emoção muito grande. Eu nunca vi o Roberto jogar. Eu tenho 25 anos

COMEMORAÇÃO Os 122 anos de fundação do Clube de Regatas Vasco da Gama tiveram uma celebração especial no domingo (23), na comunidade Manguariba II, em Campo Grande, onde a torcida organizada local transformou o Bar do Bugica num autêntico território cruzmaltino, com a presença de ninguém menos que o maior ídolo do clube de São Cristóvão, Roberto Dinamite, que fez a alegria de torcedores de diferentes gerações ao distribuir autógrafos, posar para fotos e se irmanar com aqueles que celebravam as diversas conquistas do Gigante da Colina. 

Agregando torcedores das cidades de Angra dos Reis, Itaguaí, Mangaratiba e Paraty, a Torcida Costa Verde marcou presença na festa, representada pelo seu presidente Anderson dos Santos, o Tiãozinho, de Conceição de Jacareí. “Foi uma emoção muito grande. Eu nunca vi o Roberto jogar. Eu tenho 25 anos de torcida. Fui nascido e criado em Manguariba. Foi uma emoção muito grande conseguir levar um ídolo da torcida do Vasco num evento do aniversário do clube no lugar onde tenho muitos amigos. Ter tido a oportunidade de ter ele aqui, tirando fotos com meus amigos e vizinhos, foi sensacional. Foi um dos melhores domingos da minha vida. Hoje eu moro em Conceição de Jacareí. Estou até fazendo o aniversário do Vasco lá dia 30. Mas foi muito bom participar da emoção de levar o Roberto Dinamite aonde eu fui nascido e criado”, disse Tiãozinho, em depoimento ao Atual. 

ENCONTRO de vascaínos: Alexandre Carneiro, o Cascão, da Torcida geração 90 da ZO; Roberto Dinamite; e Tiãozinho, da Torcida Costa Verde

A festa vascaína em Manguariba foi realizada num ambiente de absoluta confraternização, com uma maioria de torcedores do Vasco em plena comunhão com flamenguistas, tricolores e botafoguenses. Ao chegar à comunidade, Roberto Dinamite foi saudado com fogos de artifício e com gritos de guerra evocando as tradições do Gigante da Colina. Na condição de ídolo que supera diferenças e disputas clubísticas, Roberto Dinamite foi recebido com carinho por todos os presentes, principalmente as crianças, que não se cansavam de tietar o ex-jogador.  

Na despedida, Roberto Dinamite foi saudado pelos torcedores e admiradores com o tradicional “Grito de Casaca”, uma das mais emblemáticas e tradicionais manifestações orais dentre as torcidas dos clubes de futebol do Brasil. Em meio à intensa animação dos vascaínos, eram ouvidos ainda o espocar de fogos de artifício e, claro, o Hino Oficial do Vasco da Gama, cantado a plenos pulmões pela eufórica torcida.

LADO A lado, Cascão e Tiãzinho, em momento de confraternização, comemorando o sucesso da recepção ao ídolo Roberto Dinamite, em manguariba

 

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!