quinta-feira, outubro 21, 2021
InícioPoderColégio Militar de Mangaratiba poderá ser implantando em 2020

Colégio Militar de Mangaratiba poderá ser implantando em 2020

O ano letivo de 2020 em Mangaratiba poderá contar com o Colégio Militar. A previsão foi repassada durante o encontro entre o prefeito Alan Bombeiro, com o secretário de Estado de Educação, Pedro Fernandes, e em companhia do vereador Helder Rangel, na quarta-feira (6). A unidade deverá ser erguida em um terreno no Trevo da Praia do Saco.

O secretário Pedro Fernandes pediu celeridade ao município para apresentar o terreno que receberá o Colégio Militar. “Estamos à disposição de Mangaratiba. Precisamos apenas da área pronta para que os módulos sejam encaixados. Em 45 dias o prédio fica pronto” adiantou o secretário.

Por sua vez o prefeito Alan Bombeiro disse não medir esforços para que o projeto avance e a cidade receba a unidade escolar militar. “O sonho está cada vez mais perto. Um anseio de nossa população, da nossa administra

O ano letivo de 2020 em Mangaratiba poderá contar com o Colégio Militar. A previsão foi repassada durante o encontro entre o prefeito Alan Bombeiro, com o secretário de Estado de Educação, Pedro Fernandes, e em companhia do vereador Helder Rangel, na quarta-feira (6). A unidade deverá ser erguida em um terreno no Trevo da Praia do Saco.

O secretário Pedro Fernandes pediu celeridade ao município para apresentar o terreno que receberá o Colégio Militar. “Estamos à disposição de Mangaratiba. Precisamos apenas da área pronta para que os módulos sejam encaixados. Em 45 dias o prédio fica pronto” adiantou o secretário.

Por sua vez o prefeito Alan Bombeiro disse não medir esforços para que o projeto avance e a cidade receba a unidade escolar militar. “O sonho está cada vez mais perto. Um anseio de nossa população, da nossa administração, e costurada pelo vereador Helder Rangel. Vamos acelerar para que cada detalhe seja atendido e que possamos receber o Colégio Militar. A unidade deverá ser instalada no Trevo da Praia do Saco, favorecendo o acesso a todos os alunos”, destacou.  .

A parceria prevê que o município apresente o terreno, o estado construa a unidade e faça a gerência através de uma direção Militar. As aulas seriam ministradas por professores militares e também por civis. O ensino oferecido será o Médio. No entanto, há a possibilidade da cidade engajar um projeto piloto com Ensino Fundamental.

O Colégio Militar vai atender alunos da rede pública ou particular que terminarem o Ensino Fundamental.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!