sábado, outubro 16, 2021
InícioItaguaíPraça de Itaguaí recebe feira de artesanato

Praça de Itaguaí recebe feira de artesanato

Feira que celebra o Dia dos Namorados expõe peças de artesanato, crochê, pinturas e outras variedades tudo a preços populares Interessados em comprar presentes para surpreender à amada (o) no Dia dos Namorados, bastar prestigiar a feira de artesanato que está montada na Praça Barão de Teffé, no Centro de Itaguaí. O evento é realizado pela Associação de Artesanato Olho na Arte e traz ampla variedade de produtos artesanais, como peças de crochê, bolsas, bonecos, plantas e pinturas. A cofundadora da associação de artesanato, Noemi dos Santos Freitas, conta que essa é uma forma de dar visibilidade o trabalho dos artistas da cidade. “Nós da associação estamos aqui desde 2003, lutando pelos artesãos e artistas talentosos de Itaguaí”, ressaltou a artesã destacando que as vendas estão indo bem e que a feira vai até o sábado (15)

Feira que celebra o Dia dos Namorados expõe peças de artesanato, crochê, pinturas e outras variedades tudo a preços populares

Interessados em comprar presentes para surpreender à amada (o) no Dia dos Namorados, bastar prestigiar a feira de artesanato que está montada na Praça Barão de Teffé, no Centro de Itaguaí. O evento é realizado pela Associação de Artesanato Olho na Arte e traz ampla variedade de produtos artesanais, como peças de crochê, bolsas, bonecos, plantas e pinturas.

A cofundadora da associação de artesanato, Noemi dos Santos Freitas, conta que essa é uma forma de dar visibilidade o trabalho dos artistas da cidade. “Nós da associação estamos aqui desde 2003, lutando pelos artesãos e artistas talentosos de Itaguaí”, ressaltou a artesã destacando que as vendas estão indo bem e que a feira vai até o sábado (15).

Segundo Noemi dos Santos, artistas que queiram integrar à Associação de Artesanato só precisam desembolsar R$ 50, graças a uma promoção. “Quem quiser expor a lojinha, é 15 reais e a gente divulga o trabalho”, explica Noemi. “Convidamos os artistas a entrarem pra associação que é registrada, legalizada, temos o sindicato e é tudo dentro da lei”, finalizou.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!