terça-feira, dezembro 7, 2021
InícioDestaquePM prende miliciano que ofereceu suborno a policiais do 24º Batalhão

PM prende miliciano que ofereceu suborno a policiais do 24º Batalhão

Homem ofereceu R$ 100 mil semanais para polícia atuar a favor de facção

O 24º Batalhão de Polícia Militar tem se dedicado a uma operação cujo objetivo é encerrar uma guerra entre duas facções de milicianos que atuam em Chaperó (Itaguaí) e Canto do Rio (Seropédica), áreas que fazem parte do território de atuação do 24º BPM. Na segunda-feira (15), um homem abordou uma guarnição do Batalhão e se apresentou como comerciante que foi expulso pelos milicianos do Zinho. Quando o homem esteve em contato com o comandante da operação, apresentou-se de forma diferente. Desta vez, disse que era do Bonde do Tandera, e que o líder dos milicianos estava oferecendo R$ 100 mil semanais para que os agentes ajudassem a facção a retomar o território. Foi neste momento que o homem recebeu voz de prisão, mas ele resistiu e precisou ser contido com algemas. Com ele estavam quatro aparelhos celulares e automóvel Ford Ka,

O 24º Batalhão de Polícia Militar tem se dedicado a uma operação cujo objetivo é encerrar uma guerra entre duas facções de milicianos que atuam em Chaperó (Itaguaí) e Canto do Rio (Seropédica), áreas que fazem parte do território de atuação do 24º BPM.

Na segunda-feira (15), um homem abordou uma guarnição do Batalhão e se apresentou como comerciante que foi expulso pelos milicianos do Zinho. Quando o homem esteve em contato com o comandante da operação, apresentou-se de forma diferente. Desta vez, disse que era do Bonde do Tandera, e que o líder dos milicianos estava oferecendo R$ 100 mil semanais para que os agentes ajudassem a facção a retomar o território.

Foi neste momento que o homem recebeu voz de prisão, mas ele resistiu e precisou ser contido com algemas. Com ele estavam quatro aparelhos celulares e automóvel Ford Ka, devidamente apreendidos.

O homem foi conduzido para a 48ºDP (Seropédica) e, após apreciação da autoridade policial, o acusado foi autuado e preso por corrupção ativa, associação criminosa e resistência à prisão.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!