quinta-feira, outubro 21, 2021
InícioSem categoriaOperação Coalizão contabiliza mais de 250 mil reais de prejuízo ao crime

Operação Coalizão contabiliza mais de 250 mil reais de prejuízo ao crime

OPERAÇÃO COALIZÃO A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou nesta segunda-feira (21), a Operação Coalizão. A ação, que teve início no dia 22 de outubro, ocorreu principalmente na região de Itaguaí, nas rodovias federais BR-101, BR-493 e BR-465.  De acordo com a PRF, o objetivo principal era reforçar a segurança na área após diversas denúncias de que milicianos utilizavam trechos das rodovias federais para locomoção entre comunidades.

Ainda de acordo com a PRF, a operação contou com três fases e recebeu 218 policiais de diversos Estados do Brasil. Durante as ações, a PRF prendeu 42 pessoas e fiscalizou mais de 22 mil veículos. O prejuízo total estimado gerado ao crime organizado na Operação Coalizão foi de mais de 250 mil reais.

Segundo a PRF, ao todo, a operação apreendeu mais de 150 kg de maconha, 16 mil maços de cigarr

OPERAÇÃO COALIZÃO A Polícia Rodoviária Federal (PRF) encerrou nesta segunda-feira (21), a Operação Coalizão. A ação, que teve início no dia 22 de outubro, ocorreu principalmente na região de Itaguaí, nas rodovias federais BR-101, BR-493 e BR-465.  De acordo com a PRF, o objetivo principal era reforçar a segurança na área após diversas denúncias de que milicianos utilizavam trechos das rodovias federais para locomoção entre comunidades.

Ainda de acordo com a PRF, a operação contou com três fases e recebeu 218 policiais de diversos Estados do Brasil. Durante as ações, a PRF prendeu 42 pessoas e fiscalizou mais de 22 mil veículos. O prejuízo total estimado gerado ao crime organizado na Operação Coalizão foi de mais de 250 mil reais.

Segundo a PRF, ao todo, a operação apreendeu mais de 150 kg de maconha, 16 mil maços de cigarros, 15 mil litros de combustível sem nota, além de três armas, três granadas e mais de mil munições. Integrantes de todas as forças especiais da PRF fizeram parte da operação. Policiais dos grupos de respostas tática, operações especiais, operações aéreas e com cães e de moto policiamento estiveram no Rio de Janeiro ao longo dos dois meses que durou a ação.

A PRF ressaltou que em todo país, ações como esta, na qual a PRF fortalece a cooperação de policiais de diversos Estados e de diversos segmentos, vem resultando em excelência na fiscalização e no aumento de apreensões. 

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!