terça-feira, outubro 26, 2021
InícioItaguaíMinistro diz que Rio-Santos será concedida à iniciativa privada

Ministro diz que Rio-Santos será concedida à iniciativa privada

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, afirmou nesta quinta-feira (10) que o governo vai incluir a Rodovia Rio-Santos (trecho da BR-101) no leilão de relicitação da Nova Dutra (Rio-São Paulo). O anúncio foi feito durante encontro, em Brasília, com o governador de São Paulo, João Dória. “A Rio-Santos será feita dentro do que será a nova concessão da Nova Dutra. A gente agora vai construir os cronogramas”, anunciou o ministro. Em 2017, o Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) decidiu relicitar a concessão Nova Dutra, que está próxima de vencer. O trecho é operado pela empresa CCR e é a principal ligação terrestre entre o Rio de Janeiro e São Paulo. Para o governador, a concessão da Rio-Santos para a iniciativa privada vai melhorar a qualidade da rodovia, diminuir acidentes e fomentar o turismo no litoral. “A Rio-S

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, afirmou nesta quinta-feira (10) que o governo vai incluir a Rodovia Rio-Santos (trecho da BR-101) no leilão de relicitação da Nova Dutra (Rio-São Paulo). O anúncio foi feito durante encontro, em Brasília, com o governador de São Paulo, João Dória. “A Rio-Santos será feita dentro do que será a nova concessão da Nova Dutra. A gente agora vai construir os cronogramas”, anunciou o ministro.

Em 2017, o Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) decidiu relicitar a concessão Nova Dutra, que está próxima de vencer. O trecho é operado pela empresa CCR e é a principal ligação terrestre entre o Rio de Janeiro e São Paulo. Para o governador, a concessão da Rio-Santos para a iniciativa privada vai melhorar a qualidade da rodovia, diminuir acidentes e fomentar o turismo no litoral. “A Rio-Santos é um modal importante sobretudo para o turismo nessa região do litoral norte de São Paulo. Não faz sentido que uma rodovia dessa importância não esteja concessionada e sendo operada pelo setor privado, melhorando a sua eficiência, reduzindo o seu potencial de acidentes e melhorando a funcionalidade para irrigar a indústria do turismo”, disse Doria.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!