terça-feira, dezembro 7, 2021
InícioPoderComplexo Naval de Itaguaí recebe visita de embaixador nomeado do Brasil na...

Complexo Naval de Itaguaí recebe visita de embaixador nomeado do Brasil na França

O Complexo Naval de Itaguaí e a Unidade de Fabricação de Estruturas Metálicas (UFEM) receberam, na quinta-feira (18), a visita do embaixador nomeado do Brasil na França, Luís Fernando Andrade Serra; e do diretor-geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha, almirante de esquadra Marcos Sampaio Olsen. Na ocasião, foram apresentadas ao embaixador e à sua comitiva os aspectos técnico-gerenciais, político-estratégicos do Programa de Desenvolvimento de Submarinos (Prosub) e detalhes sobre construção dos submarinos Classe “Riachuelo” (S-BR) e do primeiro submarino brasileiro com propulsão nuclear (SN-BR). Durante a visita também foram apontadas as perspectivas futuras do Prosub, como a  contribuição para o aperfeiçoamento das relações entre a Marinha e os organismos franceses envolvidos no projeto e a mitigação

O Complexo Naval de Itaguaí e a Unidade de Fabricação de Estruturas Metálicas (UFEM) receberam, na quinta-feira (18), a visita do embaixador nomeado do Brasil na França, Luís Fernando Andrade Serra; e do diretor-geral de Desenvolvimento Nuclear e Tecnológico da Marinha, almirante de esquadra Marcos Sampaio Olsen.

Na ocasião, foram apresentadas ao embaixador e à sua comitiva os aspectos técnico-gerenciais, político-estratégicos do Programa de Desenvolvimento de Submarinos (Prosub) e detalhes sobre construção dos submarinos Classe “Riachuelo” (S-BR) e do primeiro submarino brasileiro com propulsão nuclear (SN-BR).

Durante a visita também foram apontadas as perspectivas futuras do Prosub, como a  contribuição para o aperfeiçoamento das relações entre a Marinha e os organismos franceses envolvidos no projeto e a mitigação de eventuais adversidades.

O Prosub visa a capacitação em projeto e construção de submarinos convencionais e um submarino com propulsão nuclear, tendo como base a transferência de tecnologia, exceto na área nuclear; e a utilização da indústria brasileira e o aumento da geração de empregos.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!