domingo, outubro 24, 2021
InícioItaguaíFórum de Políticas Públicas do Livro e da Leitura é realizado em...

Fórum de Políticas Públicas do Livro e da Leitura é realizado em Mangaratiba

A Secretaria de Educação de Mangaratiba, em parceria com a Fundação Vale e Instituto de Arte Tear, realizou na quinta-feira (5), o I Fórum de Políticas Públicas do Livro e da Leitura de Mangaratiba. A ação aconteceu no Centro Cultural Cary Cavalcanti e teve como objetivo a reflexão sobre o papel do professor de sala de leitura na formação de novos leitores e sobre como tornar a escola uma comunidade leitora. No evento, também foi apresentada a Diretriz Curricular Municipal de Sala de Leitura. O vice-prefeito Chicão da Ilha e a secretária adjunta Executiva de Educação Thirley Reink participaram da iniciativa.

A elaboração da Diretriz Curricular Municipal de Sala de Leitura foi da Superintendência de Projetos, com a participação dos professores da Sala de Leitura da rede de ensino e com assessoria técnica do Instituto tear. “Foi um pr

A Secretaria de Educação de Mangaratiba, em parceria com a Fundação Vale e Instituto de Arte Tear, realizou na quinta-feira (5), o I Fórum de Políticas Públicas do Livro e da Leitura de Mangaratiba. A ação aconteceu no Centro Cultural Cary Cavalcanti e teve como objetivo a reflexão sobre o papel do professor de sala de leitura na formação de novos leitores e sobre como tornar a escola uma comunidade leitora. No evento, também foi apresentada a Diretriz Curricular Municipal de Sala de Leitura. O vice-prefeito Chicão da Ilha e a secretária adjunta Executiva de Educação Thirley Reink participaram da iniciativa.

A elaboração da Diretriz Curricular Municipal de Sala de Leitura foi da Superintendência de Projetos, com a participação dos professores da Sala de Leitura da rede de ensino e com assessoria técnica do Instituto tear. “Foi um prazer, mas também uma grande responsabilidade elaborar o material, visto que não existia nenhum referencial no município. Essa é a primeira diretriz especifica de sala de leitura em Mangaratiba. É um marco para a Educação”, disse a superintendente Priscila Vasconcellos.

Após a apresentação cordelística de Emilson Santini, professores e mediadores  participaram de uma roda de conversa cujo os temas eram o papel do professor  na sala de leitura na formação de novos leitores, como tornar a escola uma comunidade leitora e literatura como direito: Políticas Públicas para o acesso a leitura e a formação de leitores. O evento também houve contação de histórias por Daniel Martinez e Claudia Gonçalves da secretaria de Educação.

Veja mais de:
Matérias relacionadas
- Advertisment -

Mais lidas

error: O conteúdo está protegido!