Cidadania infelizmente parcial

fevereiro 27, 2014 Nenhum Comentário »

Portadores de deficiência física relatam dificuldades em locomoção e a falta de banheiros adaptados na cidade

BIANCA GARCIA
JULIANA TORRES

São 7,27 mil pessoas com deficiência motora em Itaguaí. O número, a que se refere o Censo 2010 do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), se divide em pessoas que possuem alguma dificuldade, grande dificuldade e total dificuldade. Isso significa que quase 7% da população possui algum tipo de deficiência física, já que, segundo o mesmo Censo, são cerca de 109 mil habitantes no município. Mas será que a cidade inteligente é adaptada para as pessoas que necessitam de cuidados especiais, como é o caso dos cadeirantes? Ou as ruas e as calçadas dificultam ainda mais a locomoção? O ATUAL conversou com dois cadeirantes moradores de Itaguaí para saber os principais problemas que eles, e outros portadores de necessidades especiais, enfrentam diariamente.

Para ter acesso à reportagem completa, assine a edição digital ou impressa do Jornal ATUAL.
Confira também nas bancas de toda região.

O problema da acessibilidade vai muito além das péssimas ruas e calçadas que cercam Itaguaí. (Carlos Roberto)
O problema da acessibilidade vai muito além das péssimas ruas e calçadas. (Carlos Roberto)


Deixe um comentário

Você precisa estar Logado para comentar.