Serviço com foco na prevenção de acidentes

julho 31, 2012 Nenhum Comentário »

Policiais militares da 3ª Companhia, na Reta de Piranema, intensificam ações de apreensão de animais na pista

FRANCISCO LEÃO
francisco.leao@jornalatual.com.br

Policiais militares da 3ª Companhia – Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRV) intensificam as operações de apreensão de animais nas rodovias estaduais da região. E a iniciativa tem contribuído para a prevenção dos índices de acidentes. Segundo a PM, só para se ter uma ideia, nos últimos três meses não houve ocorrência envolvendo animais soltos na RJ -099 (Reta de Piranema), ao contrário de alguns municípios da Baixada Fluminense, onde há grande incidência.

A esq. PM Ariton dos Santos com o sargento Rondineli Miranda explicando como ocorrem as operações de captura dos animais (Foto: Carlos Roberto)

A esq. PM Ariton dos Santos com o sargento Rondineli Miranda explicando como ocorrem as operações de captura dos animais (Foto: Carlos Roberto)

Por outro lado, a polícia ressalta que, apesar da estatística positiva na Reta de Piranema, há um trecho da via que merece atenção redobrada. “Constantemente recebemos reclamações de motoristas que animais aparecem soltos no Km 7, da RJ-099. Ao recebermos a queixa enviamos o caminhão ao local e providenciamos o seu recolhimento”, explica o sargento Rondineli Miranda Machado, que integra a equipe de captura, lembrando que é preciso conscientização dos donos dos animais.

Segundo o sargento, além da Reta de Piranema, as ações também se concentram nas rodovias RJ-125 que liga Seropédica a Miguel Pereira e a RJ-149 que compreende Mangaratiba a Rio Claro. “Todos os serviços acontecem na madrugada por conta da visibilidade. Nossa intenção é manter a segurança da pista”, descreve.

Animais apreendidos são encaminhados para um curral em Seropédica (Foto: Divulgação)

Animais apreendidos são encaminhados para um curral em Seropédica (Foto: Divulgação)

Os animais apreendidos são encaminhados a um curral em Seropédica, onde o proprietário tem um prazo de 10 dias para retirá-lo. Entretanto, é necessário pagar uma multa e mais diária que o animal permanecer no lugar. E caso o dono não se manifeste para ter seu animal de volta, o mesmo é submetido a leilão.

De acordo com o sargento, Ariton dos Santos, a maior parte das apreensões são de equinos, mas, há também o recolhimento de bovinos, caprinos, suínos e outros. “A remoção do animal da pista é a preservação da vida e do bem. As pessoas podem ajudar a polícia no trabalho de apreensão, basta nos procurar”, finaliza.

Cavalo é capturado nas margens de rodovia (Foto: Divulgação)

Cavalo é capturado nas margens de rodovia (Foto: Divulgação)

SERVIÇO:

Os animais recolhidos são encaminhados ao DDO Currais associados, que fica na Rua Vicinal IT 29 e 30 Santa Alicia, em Seropédica. Telefones (21) 3601-6263/ 3781-1047

Deixe um comentário

Você precisa estar Logado para comentar.