Família denuncia negligência do Guanabara após queda de idosa

agosto 29, 2014 Nenhum Comentário »

Copeira escorregou em rampa da unidade do supermercado em Itaguaí e sofreu duas fraturas

A copeira Lenira Araújo de Oliveira, 57 anos, fraturou pé e perna após queda em rampa no Supermercado Guanabara, unidade de Itaguaí, centro, na manhã da última sexta-feira (29). O Corpo de Bombeiros do quartel de Itaguaí socorreu a vítima e a conduziu para o Hospital Municipal São Francisco Xavier. Em seguida, ela foi encaminhada para o Hospital Municipal Victor de Souza Breves, em Mangaratiba. Segundo familiares, a copeira segue internada e aguarda cirurgia.

Nesta segunda-feira (01), filhas de Lenira procuraram a redação do ATUAL e relataram suposta negligência do supermercado, que não teria prestado qualquer tipo de assistência à família: “Eles não prestaram socorro. Minha mãe fraturou o pé e a perna e foi para o hospital sozinha. E desde que ela está internada temos gastos com passagem, remédio e outros. Eles nem nos procuraram”, relatou a operadora de caixa Márcia Araújo, filha mais velha de Lenira. “Depois fomos ao supermercado e o gerente só virou as costas, não conversou com a gente. Agora vamos colocar eles na Justiça”, completou. Segundo as filhas da acidentada, a rampa é escorregadia e quedas ocorrem com frequência: “Temos relatos de que o próprio funcionário que foi tirar foto da minha mãe também escorregou na mesma hora. Eles já tinham que ter tomado alguma providência ali”, indignou-se Milena Araújo, também filha de Lenira.

A reportagem solicitou ao Guanabara posição sobre o caso, porém não obteve respostas até o fechamento desta edição.

Foto: Carlos Roberto

Foto: Carlos Roberto

 

Deixe um comentário

Você precisa estar Logado para comentar.