Golpe do Plano de Cargos e Salários: vereador tenta explicar

junho 26, 2014 Nenhum Comentário »

Vereador Zezé diz que prefeitura errou no envio do projeto e que documento sequer tinha timbre do Executivo

JUPY JUNIOR

O vereador Eliezer Lage Bento, o Zezé (PSDC), informou que o Plano de Cargos e Salários dos servidores públicos da Educação – que chegou à Câmara no dia 30 maio – não foi votado na ocasião por apresentar “erros”. Dentre eles, segundo ele, falta de timbre da prefeitura e de assinatura do prefeito. “São esses e vários outros motivos pelos quais não votamos. Foi dito na internet, na mídia, que a Câmara votou contra. A câmara não votou nada, nós ainda nem votamos. O que aconteceu, nós detectamos por meio da minha comissão que é de Finanças, a do vereador Silas Cabral, junto com o vereador Márcio Pinto, que havia alguns erros no plano e a gente optou por corrigi-los para podermos fazer uma coisa certa. Há interesse desta casa em votar logo o plano”, explicou o vereador Zezé.

Para ter acesso à reportagem completa, assine a edição digital ou impressa do Jornal ATUAL.
Confira também nas bancas de toda região.

Manifestantes manifestam contra demora na aprovação do Plano da Educação na sessão legislativa (Foto Welington Campos)

Manifestantes manifestam contra demora na aprovação do Plano da Educação na sessão legislativa (Foto Welington Campos)

Deixe um comentário

Você precisa estar Logado para comentar.