Comissão se reúne com comando de greve da Educação sobre Plano

junho 12, 2014 Nenhum Comentário »

A portas fechadas, grupo discutiu Cargos e Salários na Comissão de Constituição e Justiça na quarta-feira (11)

JUPY JUNIOR

Em uma reunião a portas fechadas com representantes do Sindicato dos Profissionais em Educação (Sepe) e com vereadores, na tarde de quarta-feira (11), mais um capítulo se acresce à novela do Plano de Cargos e Salários. Desta vez, ficou claro que o governo municipal tem se valido dos trâmites da Casa de Leis e dos vereadores da situação para tentar modificar o Plano de Cargos e Salários assinado com Sepe. A reunião, que a princípio seria aberta à imprensa mas que no último momento foi vedada, ocorreu no plenário e contou com a presença dos vereadores Silas Cabral (PV), Miriam Pacheco, Márcio Pinto e Vicente Rocha (os três do Solidariedade), Marco Barreto e Willian Cézar (ambos do PT), Nisan César (PSD), Eliezer Lage Bento (PSDC)e também com líderes do comando de greve e do Sepe. O Plano parece longe de ser aprovado pela Câmara, caso se leve em consideração o que dizem o presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) Silas Cabral e o relator do projeto, vereador Márcio Pinto. Ambos reconheceram que há problemas no Plano, que ele precisa de ajustes, e que há indícios de inconstitucionalidade e de possíveis comprometimentos às finanças do município.

Para ter acesso à reportagem completa, assine a edição digital ou impressa do Jornal ATUAL.
Confira também nas bancas de toda região.

VEREADORES Willian, Nisan, Márcio Pinto, Barreto, Pacheco e Rocha com Sepe e comando de greve (Foto Divulgação)

VEREADORES Willian, Nisan, Márcio Pinto, Barreto, Pacheco e Rocha com Sepe e comando de greve (Foto Carlos Roberto)

Deixe um comentário

Você precisa estar Logado para comentar.