O abandono de mais de R$ 112 milhões

maio 16, 2014 Nenhum Comentário »

Apesar do alto valor em 17 meses de governo, situação do Hospital Municipal São Francisco Xavier (HMSFX) continua precária; estado tem programa de apoio, mas, em 2013, Prefeitura de Itaguaí não aderiu

BIANCA GARCIA

O Hospital Municipal São Francisco Xavier (HMSFX) continua em péssimas condições: são paredes com rachaduras, goteiras nos tetos, banheiros sem papéis higiênicos e camas sem colchões. Já são 17 meses do tucano Luciano Mota e a situação continua a mesma. Há, porém, uma possibilidade de diminuir a degeneração do hospital: o Governo do Estado do Rio de Janeiro lançou na última segunda-feira (12) os programas destinados a melhorar a saúde no estado. Apesar de haver a possibilidade de investimento estadual no município, itaguaienses perguntam: será que os valores chegam ao HMSFX? Em 2013, a Prefeitura de Itaguaí não aderiu aos programas de apoio (ler matéria coordenada na página 5). Apesar dos gastos públicos com a saúde ultrapassarem os R$ 112 milhões (pois os balancetes dos meses de março, abril e maio ainda não foram divulgados), o único projeto para o hospital São Francisco Xavier, em 17 meses de Mota como chefe do executivo municipal, foi o ambulatório de oncologia, inaugurado neste mês de maio. Mas com R$ 112 milhões não daria para ter todos os itens básicos ou ao menos ser um hospital de boa referência em atendimento e qualidade? O ATUAL preparou um infográfico (segue na próxima página) para mostrar o que daria para comprar, referente à saúde, com este valor.

Para ter acesso à reportagem completa, assine a edição digital ou impressa do Jornal ATUAL.
Confira também nas bancas de toda região.

A decadência do único hospital da cidade mostra o desinteresse público em mudar o quadro: camas hospitalares ainda sem colchão fazem parte do dia a dia dos itaguaienses (Arquivo ATUAL)

A decadência do único hospital da cidade mostra o desinteresse público em mudar o quadro: camas hospitalares ainda sem colchão fazem parte do dia a dia dos itaguaienses (Arquivo ATUAL)

Deixe um comentário

Você precisa estar Logado para comentar.