Constrangimento e irregularidade

março 19, 2014 Nenhum Comentário »

Taxistas de Itaguaí reivindicam a obrigatoriedade do taxímetro na cidade

JULIANA TORRES

O absurdo do descaso das autoridades municipais com Itaguaí é evidente e é publicado constantemente nos jornais que circulam na região. Depois dos profissionais da saúde e da educação reivindicarem seus direitos, chegou a vez dos taxistas manifestarem a insatisfação com a política vigente. Na última sexta-feira (14), dois representantes de motoristas de táxi da cidade vieram até a sede do ATUAL para fazer uma denúncia sobre a falta de taxímetro nos veículos que prestam serviço para a população. De acordo com Paulo Maurício, taxista há 25 anos em Itaguaí, e Júlio Sthefano, há 15 anos, os motoristas que trabalham fora da cidade são os que mais sofrem com a falta do equipamento. “Precisamos dar o valor da corrida antes ou depois. É um constrangimento. Muitos passageiros não gostam”, declarou Maurício.

Para ter acesso à reportagem completa, assine a edição digital ou impressa do Jornal ATUAL.
Confira também nas bancas de toda região.

De acordo com secretário municipal de Transportes e Trânsito de Itaguaí, ainda este ano os taxímetros serão obrigatórios na cidade (Divulgação internet)

De acordo com secretário municipal de Transportes, ainda este ano os taxímetros serão obrigatórios na cidade (Divulgação internet)

Deixe um comentário

Você precisa estar Logado para comentar.