Atenção para os concursados

janeiro 3, 2013 1 Comentário »

No primeiro dia de trabalho, prefeito Luciano Mota é recepcionado por aprovados em concurso e enfatiza que recebeu prefeitura sem documentação, inclusive para se situar como está o andamento do processo

FRANCISCO LEÃO
francisco.leao@jornalatual.com.br

No seu primeiro dia de trabalho à frente do Executivo municipal, o prefeito de Itaguaí, Luciano Mota, foi “recepcionado” na sede do governo, por um grupo de aprovados do último concurso, que vivem a expectativa da posse definitiva nos cargos. Esse sentimento aumentou nos últimos dias da administração anterior quando foram intensificadas as chamadas dos selecionados. A eles, o prefeito Luciano Mota antecipou que

LUCIANO MOTA é recepcionado por aprovados em concurso e explica que recebeu prefeitura sem documentação (Foto: Carlos Roberto)

LUCIANO MOTA é recepcionado por aprovados em concurso e explica que recebeu prefeitura sem documentação (Foto: Carlos Roberto)

já entrou em contato com a empresa responsável pelo concurso em busca de informações. “Hoje (ontem) é o nosso primeiro dia de trabalho e eu vou dá um parecer rápido para vocês. Eu não tive transição e nós não tivemos as informações do concurso. Entramos em contato com a empresa que realizou o processo. Vou me reunir com nossos advogados e procurador para saber o que fazer”, enfatizou o prefeito. “Tenho todo carinho e respeito por vocês que estão aqui para trabalhar. Mas a gente quer fazer o melhor para todos nós”, completou.

Luciano Mota assegurou que recebeu a prefeitura do seu antecessor, sem se quer, nenhum documento em seu gabinete ou na procuradoria. “Lá em cima não tem nenhum documento. Aqui é só o mero prédio da prefeitura. As gavetas estão todas abertas e eu permito que cinco pessoas subam lá para ver”, disse. O novo gestor de Itaguaí esclarece que em seu gabinete, por exemplo, os computadores foram levados, ficando apenas os monitores. “Vamos ter que fazer toda a documentação para começar a tocar a prefeitura. Temos muitas coisas a providenciar, como, inclusive, mandar comida para o hospital, cuidar dos uniformes e da merenda escolar. Vocês podem ter certeza que terão toda a nossa transparência”, concluiu.

Os aprovados no concurso disseram ao ATUAL que receberam na gestão do então prefeito Carlo Busatto Junior, o Charlinho, telegrama convocando para que providenciasse documentação para tomarem posse nos respectivos cargos. No entanto, a grande maioria lamenta que atenderam ao solicitado, inclusive arcando com altas despesas na autenticação dos documentos, mas não assumiram seus postos até então.

POVO FALA:

“Esse telegrama tem validade de 15 dias. Temos medo de passando o prazo nós sejamos prejudicados”

SÔNIA DE SOUSA Castro, aprovado no concurso para professora de biologia

“É uma falta de desordem total. Queremos uma garantia de que assumiremos nossos cargos”

JÉSSICA TAVARES, aprovada para técnica em enfermagem

“O que fizeram conosco é uma situação de corrupção”

DEYSE MARIA SANTIAGO, aprovada para auxiliar administrativo

“A ordem de tomar posse não seguiu a classificação”

VERA DUTRA, aprovada para professora de educação infantil

“É um absurdo. Quero assumir o cargo para o qual fui aprovada”

JULIANA MORAIS, aprovada para professora de educação infantil

Um comentário

  1. Erinete Mendes da Silva 08/01/2013 at 1:58 pm -

    Bom dia!
    Estive ontem na prefeitura, cheguei às 5h30 da manhã, saí às 15h. Segundo informações, seria postado hoje no jornal atual, informações precisas do documento que foi nos mostrado, que o concurso daria andamento, porém por ordem de área especifica. Até agora não saiu nada sobre o assunto. Aguardo informações.

Deixe um comentário

Você precisa estar Logado para comentar.