Jan 16, 2018 Last Updated 12:31 PM, Jan 16, 2018

Destaques

Seropédica: Matrículas abertas

A renovação, tanto do ensino fundamental como do EJA, vai até o dia 19 de janeir...

Município de Mangaratiba promo…

ATIVIDADES- Crianças de Mangaratiba de sete a dezessete anos poderão participar ...

Material escolar 2018: os melh…

O ATUAL foi às lojas da cidade e constatou que o mercado oferece produtos para t...

Rio começa a receber no celular alertas gratuitos sobre desastres naturais

Publicado em Serviço
Ler 166 vezes
Avalie este item
(0 votos)

PREVENÇÃO- A população dos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Rio Grande do Sul começaram, ontem (18), a receber mensagens de celular com alertas da Defesa Civil.  O serviço é gratuito. Coordenado pelo Ministério da Integração Nacional, em parceria com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e operadoras de telefonia móvel, o sistema tem o objetivo de orientar a população quanto aos procedimentos a serem adotados diante do risco de inundações, alagamentos, temporais ou deslizamentos de terra, entre outras ocorrências.

Os avisos serão enviados aos telefones assim que forem identificadas situações de riscos que possam acarretar desastres naturais. Para ter acesso ao serviço, os usuários precisam cadastrar o Código de Endereçamento Postal (CEP) de interesse, respondendo à mensagem SMS encaminhada pelas operadoras de telefonia móvel. Os conteúdos das mensagens serão produzidos e enviados pelo Cenad, em parceria com os órgãos de Defesa Civil de estados e municípios.

O cadastro tem início com a seguinte mensagem: “Defesa Civil Nacional informa: novo serviço de envio de SMS gratuito com alertas de área de riscos. Para se cadastrar responda para 40199 com CEP de interesse”. Ao responder indicando o CEP, o celular do usuário está apto a receber alertas da Defesa Civil. É permitido cadastrar mais de um CEP. A qualquer momento, se o usuário desejar, também é possível cancelar o serviço por mensagem de texto.

Até o momento já foram enviados 697 alertas para os três estados, somando 5.361.234 SMS encaminhados. O Japão começou a utilizar o alerta em 2007. Atualmente, mais de 20 países, entre eles o Canadá, Chile, Bélgica e Filipinas contam com serviços semelhantes. Agora, Japão e Brasil mantêm parceria para troca de conhecimento em caso de desastres naturais.