Aug 22, 2017 Last Updated 8:54 PM, Aug 22, 2017

Ex-marido não aceita separação e mata mulher à facadas

O foragido Douglas Domingues Fagundes, de 44 anos, matou a ex-esposa e fugiu em um Doblô verde O foragido Douglas Domingues Fagundes, de 44 anos, matou a ex-esposa e fugiu em um Doblô verde FOTO REPRODUÇÃO/REDES SOCIAIS
Publicado em Polícia
Ler 1850 vezes
Avalie este item
(1 Votar)

Foragido, ameaçou matar, ainda, as duas filhas e ex-sogra

HOMICÍDIO Itaguaí se depara com mais um crime chocante, com requinte de crueldade. Sem aceitar a separação do casal, ocorrida em dezembro do ano passado, Douglas Domingues Fagundes, de 44 anos, depois de espancar a ex-mulher Luciana de Mattos Lopes, de 41 anos, matou-a a facadas. O crime ocorreu por volta das 16h de sábado (15), na Rua do Tronco, bairro Jardim Weda, em Itaguaí. E depois da barbárie, Douglas anunciou num bar próximo ao local do assassinato que tinha cometido o crime contra a ex-mulher. O assassino teria quase degolado o pescoço da vítima com uma faca, ferido-a até o tórax e, por fim, perfurado sua barriga.

Douglas não aceitava a separação e chegou a ameaçar a ex-mulher dizendo que “se ela não fosse dele não seria de mais ninguém”, segundo parentes informaram.  Mesmo após o término da relação, os dois continuavam morando no mesmo terreno, porém em casas separadas, próximo ao local do crime. Naquele dia, os dois teriam ido realizar a homologação do GNV do carro da vítima juntos e no retorno,  ele cometeu a barbárie.

 

A vítima foi enterrada por volta das 16h30 de domingo (16), no Cemitério do Sase, em Itaguaí. A família, além do choque diante de tal brutalidade, teme que ele cumpra a nova ameaça  e pede a quem puder obter informações de do assassino que entre em contato com a polícia, através do 190, ou diretamente na Delegacia de Homicídio da Baixada Fluminense (2332-9930).

A vítima Luciana de Mattos Lopes, de 41 anos