Loading...
Aug 14, 2018 Last Updated 3:01 PM, Aug 13, 2018

Uso de cerol em pipas é um perigo durante férias escolares

BRINCADEIRAS COM pipas durante as férias escolares podem causar transtorno BRINCADEIRAS COM pipas durante as férias escolares podem causar transtorno FOTO REPRODUÇÃO
Publicado em Cotidiano
Ler 321 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Em Itaguaí, uma lei municipal, criada em 2002, proíbe o uso de linhas com cerol

ALERTA No período de férias escolares é comum ver crianças, adolescentes e até adultos soltando pipa em vários bairros de Itaguaí. A brincadeira, apesar de saudável, também traz preocupação por conta dos riscos de acidentes, principalmente envolvendo rede elétrica e motociclistas.

Quem gosta de soltar pipa deve ficar atento sobre a utilização de cerol. O que parece só uma brincadeira pode causar danos irreparáveis, pois o cerol em pipas pode machucar jogadores, cortar pedestres, motociclistas e ciclistas, danificar e romper cabos de transmissão elétrica, causando apagões e transtorno, e até ser fatal.

Em Itaguaí, a Lei nº 2.212 proíbe a fabricação, comercialização e o uso de cola cerol (com vidros, lâmpadas ou qualquer artefato cortante) para linhas de pipa. De acordo com a Lei, o infrator que estiver comercializando ou fabricando o produto poderá receber multa e ter seu estabelecimento fechado.

Caso o infrator seja menor de idade, a Lei prevê o encaminhamento para o Juizado da Infância e do Adolescente, e seus responsáveis responderão arcando com multas e penalidades previstas na Lei.

A linha chilena, feita com alumínio e quartzo, tem poder de corte quatro vezes maior que a linha com cerol. Sua venda é proibida em todo o território nacional.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) realiza operações para reprimir a venda ilegal de cerol e linha chilena. De acordo com PRF, nesse período de férias aumentam acidentes de moto com pipas.

O ideal é que os brincantes procurem lugares abertos, campos ou parques para brincar com segurança e não tentem alcançar ou desenrolar a pipa, caso ela fique presa na rede de energia, pois há grande risco de uma descarga elétrica, que pode ser fatal. Além disso, é preciso atenção e evitar correria em ruas e lugares movimentados para não correr risco de atropelamento.

Últimas Notícias