Loading...
Sep 21, 2018 Last Updated 8:27 PM, Sep 20, 2018

Nova unidade no Rio vai combater crimes transnacionais

AO CENTRO, o diretor geral da PF, Rogério Galloro, durante visita ao CCPI AO CENTRO, o diretor geral da PF, Rogério Galloro, durante visita ao CCPI FOTO DIVULGAÇÃO
Publicado em Polícia
Ler 712 vezes
Avalie este item
(0 votos)

INTEGRAÇÃO A Polícia Federal (PF) inaugurou, em sua superintendência no Rio de Janeiro, o Centro de Cooperação Policial Internacional (CCPI), destinado a reunir policiais de diversos países em torno de ações de combate aos crimes transnacionais. Na terça-feira (26) o diretor geral da PF, Rogério Galloro, visitou o CCPI reafirmando a importância das atividades de cooperação internacional para o enfrentamento da criminalidade organizada no Brasil e na América do Sul.

O CCPI, que funciona na Superintendência da PF do Rio de Janeiro, vai fortalecer a integração entre países no âmbito das investigações criminais voltadas à repressão do crime organizado transnacional, proporcionando mecanismos de cooperação multilateral, com o estabelecimento de um canal para o intercâmbio de informações e formação de conhecimento.

A expectativa da PF é a de que essa integração crie as condições para fazer frente  ao cometimento de crimes como o tráfico de drogas e de armas no Rio de Janeiro e no Brasil. A PF acredita no sucesso da iniciativa, acreditando que ela vai permitir maior dinamismo nas investigações criminais que necessitem da cooperação de outros países.

Policiais estrangeiros da Argentina, Peru, Bolívia e Paraguai já integram o CCPI, sendo aguardados também policiais da Colômbia e de outros organismos internacionais.

No dia 21 de junho, o diretor geral da PF também participou do encerramento da reunião dos adidos brasileiros na América do Sul sobre segurança nas fronteiras. No encontro foi feito um diagnóstico da situação de segurança nos países sul-americanos e propostas ações para incrementar o trabalho conjunto entre as agências de segurança brasileiras e suas congêneres, com foco especial na integração das iniciativas e na colaboração do Brasil com os países vizinhos.