Loading...
Sep 24, 2018 Last Updated 2:58 PM, Sep 21, 2018

Terceira Idade de Itacuruçá celebra o Dia do Índio com gincana

Os participantes realizaram uma gincana ao ar livre em homenagem ao Dia do Índio Os participantes realizaram uma gincana ao ar livre em homenagem ao Dia do Índio FOTO DIVULGAÇÃO/PMM
Publicado em Cotidiano
Ler 765 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Os participantes realizaram diversas atividades na praça do distrito como alongamento, zumba, dança e várias brincadeiras

COMEMORAÇÃO Os integrantes do núcleo da Terceira Idade de Itacuruçá realizaram na quinta-feira (19) uma gincana ao ar livre em homenagem ao Dia do Índio. O intuito da iniciativa foi fugir do cotidiano, mostrando toda a vitalidade e união dos idosos do distrito.

Os participantes realizaram diversas atividades na Praça do distrito como alongamento, zumba, dança e várias brincadeiras. Os professores Sandro Corrêa, Marcely Barata e Saulo França coordenaram o evento. “Nosso objetivo é quebrar tabus e mostrar o quanto os idosos estão ativos!! Obejtivo alcançado!!Foi uma manhã deliciosa”, concluiu Marcely.

DIA DO ÍNDIO

O Dia do Índio é celebrado anualmente em 19 de abril no Brasil. Esta importante data serve para lembrar e reforçar a identidade do povo indígena brasileiro e americano na história e cultura atual.

Antes da chegada dos primeiros europeus em terras americanas, todos os países que formam este continente eram amplamente povoados por grandes nações indígenas. Infelizmente, a ganância e a crueldade humana fizeram com que muitas tribos fossem totalmente dizimadas e grande parte da cultura indígena foi esquecida.

Na tentativa de preservar as tradições e identidade dos indígenas, o Dia do Índio surgiu para não deixar as novas gerações esquecerem das verdadeiras raízes que formam o povo brasileiro.

ATIVIDADES

Durante o Dia do Índio, as escolas e demais instituições culturais e de ensino incentivam as crianças e os jovens a conhecerem as diferentes práticas culturais dos indígenas. A FUNAI - Fundação Nacional do Índio - é uma das principais instituições brasileiras que se dedica a defender a cultura e os direitos dos povos indígenas do país.

Para isso, são organizadas algumas atividades, como trabalhos criativos e palestras informativas, por exemplo.