Loading...
Jul 17, 2018 Last Updated 1:23 PM, Jul 17, 2018

Caminhos para o saneamento básico

Publicado em Poder
Ler 1077 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Cedae e Comitê Guandu apresentaram projetos de esgotamento sanitário e lançaram editais para novos projetos da Bacia do Rio Guandu

 

 LANÇAMENTO- A sede da Cedae, na Cidade Nova, foi o palco da cerimônia de entrega de oito projetos básicos de esgotamento sanitário dos municípios de Paracambi, Queimados, Nova Iguaçu, Barra do Piraí, Piraí, Seropédica, Itaguaí e Miguel Pereira. A iniciativa, que ocorreu na quinta-feira (11), foi da própria Cedae e do Comitê Guandu-RJ (CG-RJ), órgão colegiado vinculado ao Conselho Estadual de Recursos Hídricos, que tem atribuições consultivas, normativas e deliberativas, de nível regional, integrando o Sistema Estadual de Gerenciamento e Recursos Hídricos. O CG-RJ tem a missão de promover a gestão descentralizada e participativa dos Recursos Hídricos na bacia hidrográfica do Guandu.

 

 

Durante o evento também foram lançados os editais para elaboração de mais seis projetos básicos para Mangaratiba, Rio Claro, Japeri, Vassouras, Engenheiro Paulo de Frontin e Mendes. Ao todo serão 14 projetos contemplados na Região Hidrográfica II (RH II) – Guandu, cuja a  meta é fazer a complementação do sistema de esgotamento sanitário com coleta, transporte e tratamento de efluentes em áreas onde está prevista expansão demográfica decorrente do Arco Rodoviário Metropolitano e de potenciais polos turísticos da RH II.

 

A elaboração dos projetos foi descentralizada por meio de Termos de Cooperação Técnica entre Cedae, Instituto Estadual do Ambiente e o CG-RJ. Os projetos básicos foram deliberados por resoluções do CG-RJ e aprovados pelo Conselho Estadual de Recursos Hídricos, sendo custeados com a verba proveniente da cobrança pelo uso de recursos hídricos, como determina a Lei Estadual nº 5.234/2008 para os municípios da RH II, licitados e contratados pela Cedae.

 

A assessoria de comunicação social da Cedae informou que o projeto constitui importante passo em direção à qualidade de vida atual e futura dos habitantes da região, beneficiando também a atividade turística do estado do Rio de Janeiro. O lançamento contou com a presença do presidente da Cedae, Jorge Briard, representantes dos municípios da Região Hidrográfica II – Guandu, autoridades estaduais e de membros do CG-RJ.

 

 

Mais Poder

Últimas Notícias