Loading...
Sep 19, 2018 Last Updated 1:12 PM, Sep 19, 2018

Cuéllar: “vamos conquistar coisas grandes esse ano”

APÓS A atividade, o volante Cuéllar concedeu entrevista coletiva no Ninho do Urubu APÓS A atividade, o volante Cuéllar concedeu entrevista coletiva no Ninho do Urubu FOTO GILVAN DE SOUZA/FLAMENGO
Publicado em Esporte
Ler 245 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Volante ainda negou saída do Flamengo e garantiu que quer permanecer no clube

COLETIVA O Flamengo se reapresentou nesta terça-feira (21) para iniciar a preparação para o confronto diante do Vitória, válido pelo Brasileirão. Após a atividade, o volante Cuéllar concedeu entrevista coletiva no Ninho do Urubu.

"(Minha vontade de permanecer) não mudou nada. É normal que os jogadores se sentem com os seus representantes para falar sobre tudo. Acabei de renovar o meu contrato até 2022 e não quero sair até o fim desse primeiro contrato. Agradeço o Flamengo por tudo que tem me apoiado e me dado no futebol. Meu sentimento não muda. Quero ganhar títulos aqui, é o que todos querem quando estão em um clube grande. É normal falar de tudo um pouco. O meu sentimento de ficar no Flamengo continua", garantiu o camisa 8.

A equipe rubro-negra volta a campo nesta quinta-feira (23), às 19h30, no Maracanã, quando enfrenta o Vitória. Confira outros trechos da entrevista

IRRITAÇÃO NO TREINO

"Me irritei comigo mesmo, isso é normal. Estão querendo colocar uma briga generalizada dentro do Flamengo que não existe. Temos um elenco muito qualificado e peço para quem está tentando tumultuar parar. Nosso time é cercado de coisas boas e nós queremos conquistar coisas grandes com o Flamengo."

BRIGA NO VESTIÁRIO COM O RODINEI

"Totalmente falso. Estão querendo tumultuar um ambiente que é muito bom dentro do vestiário. Não quero nem pensar que tem gente desse jeito. Rodinei é meu amigo, meu parceiro e eu o admiro muito. Concentro com ele há três anos e fiquei até triste de ter cobrado na hora do jogo. Sempre quer dar o melhor para o Flamengo e tudo ficou no campo, é normal.

USAR A BRAÇADEIRA DE CAPITÃO

"Não imaginei, eu trabalhei para chegar nesse momento. Foi um ano difícil para mim e para a minha família sem jogar. Trabalhei para chegar ao time titular e jogar em uma equipe importante como é o Flamengo. Eu tive força de vontade para ficar aqui e buscar no dia a dia o melhor para o clube. Todos os atletas podem passar por esses momentos."

TORCIDA

"Para mim é importante demais o apoio do torcedor. Acabei de renovar o meu contrato. Se chegar alguma proposta importante, tem que passar pelo Flamengo primeiro, pois é o clube empregador. Estou muito feliz aqui e minha família também. Estou mostrando o meu potencial e quem está falando que eu estou pedindo para sair está errado. Não quero. Querem fazer tumulto onde não tem, ainda temos muitas coisas boas para conquistar." (Fonte: site oficial do clube).

Últimas Notícias

Escolas estaduais que pedem socorro

Estruturas físicas debilitadas pela ação... (leia mais)

Tragédia anunciada em Seropédica

Imbróglio judicial entre a Comlurb... (leia mais)

Mangaratiba recebe palestra gratuita sobre neurovendas

Inscrições estão abertas para atividade... (leia mais)

Escola de Seropédica promove projeto literário

EDUCAÇÃO O Projeto Chá Literário... (leia mais)