Loading...
Jul 20, 2018 Last Updated 1:48 PM, Jul 20, 2018

Ricardo faz balanço dos primeiros meses no profissional do Vasco

O JOVEM zagueiro Ricardo em treino em São Januário durante o primeiro semestre O JOVEM zagueiro Ricardo em treino em São Januário durante o primeiro semestre FOTO CARLOS GREGÓRIO JR/VASCO
Publicado em Esporte
Ler 146 vezes
Avalie este item
(0 votos)

BOM RENDIMENTO Peça importante do Vasco da Gama nas rodadas que antecederam a parada para a Copa do Mundo, que vem sendo disputada desde a semana passada na Rússia, o zagueiro Ricardo não tem do que reclamar da temporada de 2018. Embora o ano ainda esteja em sua metade, o defensor aproveitou os seis primeiros meses para realizar sonhos, cumprir metas e se estabelecer entre as peças mais valorosas do grupo cruzmaltino.

Não há um só torcedor que não reconheça o talento do jovem. O bom rendimento entre os profissionais não é surpresa para quem acompanhou sua trajetória nas divisões de base. Em São Januário desde 2009, o garoto liderou o sistema defensivo do sub-20 durante a vitoriosa jornada do ano passado e foi apontado como o futuro do Almirante na posição pelo campeão olímpico Luan, prata da casa que hoje atua no Palmeiras.

A oportunidade, entretanto, apareceu meio que por acaso, nos primeiros jogos do ano, num momento que peças importantes não estavam à disposição da comissão técnica. Com atuações seguras, Ricardo espantou a desconfiança, existente em virtude de sua juventude, e demonstrou estar preparado para lutar por uma posição entre os 11 iniciais, conquistando assim o respeito de todos os cruzmaltinos. “Subi no ano passado, fui relacionado para três jogos, mas só agora em 2018 consegui de fato fazer a minha estreia no profissional. Comecei a temporada jogando, sendo titular nos jogos da Libertadores e do Carioca. Sempre sonhei em disputar uma competição internacional, jogar um clássico, e agradeço bastante ao Zé pela oportunidade que meu deu no início do ano. Acredito que fiz bons jogos, tive atuações regulares. A mais marcante para mim contra o Flamengo, antes da estreia na Libertadores, quando fui o melhor em campo e mostrei que poderia ser titular nos jogos seguintes”, disse o zagueiro. (Fonte: site oficial do clube).