Loading...
Sep 21, 2018 Last Updated 8:27 PM, Sep 20, 2018

Abel espera recuperar time durante intervalo do Brasileiro

TÉCNICO ABEL pretende esvaziar departamento médico na pausa para a Copa do Mundo TÉCNICO ABEL pretende esvaziar departamento médico na pausa para a Copa do Mundo FOTO MAILSON SANTANA/ FFC
Publicado em Esporte
Ler 311 vezes
Avalie este item
(0 votos)

FLUMINENSE Após a derrota na quarta-feira (13), diante do Santos por 1 a 0 no Maracanã, o técnico Abel Braga analisou a partida, válida pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Para o treinador, as equipes jogaram de maneiras parecidas e o resultado foi decidido no detalhe. O comandante Tricolor também viu como positiva a pausa para a Copa do Mundo, como forma de esvaziar o departamento médico do clube.

ANÁLISE

“Respeito enorme de uma equipe com a outra, um jogo muito igual. Terminamos o primeiro tempo jogando melhor. No segundo tempo, eles ficaram mais agudos. Não vou ficar lamentando jogador que não pode jogar, tem que botar o time em campo e é o Fluminense, já tivemos dificuldades parecidas e conseguimos superar”.

ADVERSÁRIO

“O Santos foi feliz, achei até que seria empate. É uma equipe qualificada, de muito toque de bola, conseguimos neutralizar isso, fomos atrás da bola e numa jogada de individualidade, o Bruno Henrique fez o gol”.

SOLUÇÕES

“Minha relação com o clube continua inalterada e com a direção também. Tenho admiração, tenho uma relação honesta com o presidente e com o vice. Estamos num momento complicado, cinco jogos sem ganhar, então, temos que pensar e achar a solução”.

PAUSA DA COPA

“É um momento importante para esfriar a cabeça. Depois, voltar para uma pré-temporada forte. Não podemos esquecer que os outros times já são fortes e nós precisamos ficar fortes também. O ponto positivo é recuperar os jogadores, por exemplo, Jádson, Richard, Gilberto, esses caras vão voltar bem da pré-tempora, mas como serão jogos quarta e domingo, tem que ter reposição”.

DESGASTE

“Vai acontecer sempre o mesmo problema e não é só no Fluminense, tem que ter número e, de preferência, qualidade. Ano passado, pagamos por isso com os desfalques que tivemos, não podemos repetir o ano passado porque na frente tem um preço”. (Fonte: site oficial do clube).