Loading...
Sep 20, 2018 Last Updated 7:44 PM, Sep 19, 2018

Abel agradece entrega de todo grupo do Fluminense em reta final

O técnico Abel durante a coletiva de imprensa após a vitória sobre a Ponte Preta, no Maracanã O técnico Abel durante a coletiva de imprensa após a vitória sobre a Ponte Preta, no Maracanã FOTO NELSON PEREZ/ FFC
Publicado em Esporte
Ler 1204 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Técnico comemorou vitória em casa e elogiou mais experientes do time

 

O Fluminense venceu a Ponte Preta por 2 a 0 na tarde de segunda-feira no Maracanã, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro, com gols de Douglas e Henrique Dourado. Para o técnico Abel Braga, o ano difícil serviu de muito aprendizado não só para os jovens atletas do grupo, mas também para ele e todos os jogadores mais experientes. Abel falou ainda sobre sua permanência no clube, que será definida em conversa com o presidente Pedro Abad.

AGRADECIMENTO

“Se falou muito de meninos, muito de Xerém, mas se não fossem os caras cascudos como o Cavalieri, Júlio César, Gum, Henrique, Dourado, a coisa não ia. Eles tiveram que abraçar uma causa que é desproporcional. A equipe teve um amadurecimento que faltou em todos os jogos, mas vamos comemorar porque tivemos um ano difícil”.

APRENDIZADO

“Gostaria de ter aprendido mais cedo na carreira o que vivi aqui. Aprendi demais, tanto no sofrimento quanto nos bons momentos, tudo com muita verdade. E a maior verdade desse time são esses caras cascudos que citei”.

LESÕES

“Tenho que comemorar, passamos por muita coisa esse ano, entendo perfeitamente o lado do torcedor, ele veio ao jogo, nos ajudou a conseguir um bom resultado, mas essa equipe entrou em campo hoje soando dentro de nós, de cada atleta, a dor do Marquinho. Nunca tinha visto um rompimento de rótula de patela, ligamento cruzado, como o dele. E se completou a décima cirurgia, praticamente uma por mês, é muita coisa para um clube só”.

FORÇA MÁXIMA

“Saiu esse peso de todo mundo, mas não vamos facilitar em nada e vamos procurar ser o mais digno possível nos próximos jogos. Vamos colocar em campo aquilo que temos de melhor”.

CONTRATO

“Tenho contrato, mas vou sentar e conversar com o presidente, sei que ele não vai faltar com a verdade e não podemos ter os mesmos problemas que tivemos nesse ano. Minha ideia é ficar não pelo contrato, mas porque existe uma relação muito forte, uma identidade muito forte com o clube. Tenho gratidão ao Fluminense pela minha formação, mas quem vai definir meu futuro no clube é o presidente”.

 TORCIDA

 

“Torcedor tem direito, ele não quer analisar de onde o jogador veio, quanto custou, quer saber de resultado ali dentro e julga por isso. Torcedor aplaudir é legal, porque o jogador se sente bem, mas a palavra-chave que é sinônimo de torcedor é soberania”(Fonte: site oficial do clube). 

Últimas Notícias

Escolas estaduais que pedem socorro

Estruturas físicas debilitadas pela ação... (leia mais)

Tragédia anunciada em Seropédica

Imbróglio judicial entre a Comlurb... (leia mais)

Mangaratiba recebe palestra gratuita sobre neurovendas

Inscrições estão abertas para atividade... (leia mais)

Escola de Seropédica promove projeto literário

EDUCAÇÃO O Projeto Chá Literário... (leia mais)