Nov 23, 2017 Last Updated 2:00 AM, Nov 23, 2017

Mangaratiba se prepara para combater a Influenza

Vacinação contra o vírus da influenza começa no dia 17 de abril, em Mangaratiba Vacinação contra o vírus da influenza começa no dia 17 de abril, em Mangaratiba FOTO DIVULGAÇÃO PMM
Publicado em Cotidiano
Ler 2301 vezes
Avalie este item
(0 votos)
Marcado sob

VACINAÇÃO A Secretaria de Saúde e Defesa Civil da Prefeitura de Mangaratiba começa no próximo dia 17 a campanha ‘Contra a Influenza’ nos postos e unidades de saúde da cidade. A campanha segue até o dia 26 de maio. Em maio, no dia 13, acontece o “Dia D” de combate ao vírus da doença. O município espera imunizar mais de 10 mil pessoas neste período. A novidade são as doses para os profissionais da Educação.

Esta será a 19ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza e, em Mangaratiba, o programa de imunização vai aplicar as vacinas nos postos de saúde e nas unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF’s), das 8h às 17h. A meta municipal é vacinar cerca de 10,4 mil pessoas.

PÚBLICO ALVO

Podem receber a dose contra influenza as pessoas com 60 anos ou mais de idade; crianças na faixa etária de seis meses a cinco anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias), as gestantes, as puérperas (até 45 dias após o parto), os trabalhadores da saúde, os povos indígenas, os grupos portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, os adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional. Também serão incluídos para a vacinação, neste ano, os professores das escolas públicas e privadas.

A DOENÇA

A influenza é uma doença respiratória infecciosa de origem viral, que pode levar ao agravamento e ao óbito, especialmente nos indivíduos que apresentam fatores ou condições de risco para as complicações da infecção (crianças menores de cinco anos de idade, gestantes, adultos com 60 anos ou mais, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais).

Ainda sobre a doença, a influenza afeta o sistema respiratório. E sua transmissão ocorre por meio de secreções das vias respiratórias da pessoa contaminada ao falar, tossir, espirrar ou pelas mãos, que após contato com superfícies recém‐contaminadas por secreções respiratórias pode levar o agente infeccioso direto a boca, olhos e nariz.