Sep 21, 2017 Last Updated 6:30 PM, Sep 21, 2017
 
 
 
 
 

Alunos da UFRuralRJ criam abaixo assinado online

 O abaixo assinado online circula por grupos de alunos da UFRuralRJ e cobra melhorias na iluminação do campus O abaixo assinado online circula por grupos de alunos da UFRuralRJ e cobra melhorias na iluminação do campus FOTO DIVULGAÇÃO
Publicado em Cotidiano
Ler 1692 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Entre as revindicações estão a revitalização e manutenção da iluminação pública no campus Seropédica

 

CLEITON BEZERRA
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

ILUMINAÇÃO PÚBLICA Ambientes bem iluminados melhoram a sensação de segurança. E é pensando nisso, entre outros fatores, que estudantes da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRuralRJ), encabeçados pela página do Facebook “Minha Rural”, criaram um abaixo assinado online na última sexta-feira (31) que circula pelos grupos de alunos da Universidade nas redes sociais.

Segundo trecho da carta reivindicatória, a cada dia que passa, a insegurança nos arredores da Universidade está aumentando. “São diversos os relatos de assaltos, tentativas de estupros e agressões que toda a comunidade acadêmica vem sofrendo. A escuridão que o campus Seropédica se encontra é um fator facilitador para que marginais possam agir de forma sorrateira. Como é sabido, o campus se encontra em uma região rural, com grande quantidade de matas, pastos e matagais”, diz a mensagem.

Mais de mil e cem alunos já aderiram ao abaixo assinado.  “Estudo a noite e fico com muito medo na hora de voltar pra casa devido à escuridão”, desabafa a estudante Maria Vitória Lopes Queiroz.

REITORIA

Por sua vez a reitoria da Universidade emitiu nota à comunidade acadêmica, na última segunda-feira (3), no qual explica as dificuldades e as estratégias para o combate e prevenção da violência, melhorias na segurança, alimentação e moradia no campus. “Estabelecimento de uma parceria com a Prefeitura Municipal de Seropédica para alocar a guarda municipal no patrulhamento de toda a área da ciclovia. Da mesma forma com o Regimento de Polícia Montada (PMERJ), uma iniciativa da direção do Instituto de Ciências Sociais Aplicadas, visando o patrulhamento de nossas fronteiras”, destaca a nota.

E sobre a questão da iluminação o informe complementa. “Agendamento de uma Reunião de trabalho com a LIGHT para solução imediata do déficit de iluminação uma vez que há dezenas de postes danificados no câmpus Seropédica. Nosso consumo de energia chega a seis milhões de reais ao ano. Portanto, espera-se um serviço à altura dos valores pagos”.