Apr 28, 2017 Last Updated 3:20 PM, Apr 28, 2017

Prêmio Sebrae Mulher de Negócios está com inscrições abertas até 31 de março

A ANALISTA do Sebrae, Tuane Rodrigues, com as produtoras rurais Marilis e Aline após a conquista do prêmio A ANALISTA do Sebrae, Tuane Rodrigues, com as produtoras rurais Marilis e Aline após a conquista do prêmio FOTO DIVULGAÇÃO 
Publicado em Cotidiano
Ler 1294 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Duas empreendedoras de Angra venceram na categoria Produtora Rural na etapa estadual em 2015

RECONHECIMENTO A trajetória inspiradora de uma mulher bem sucedida no mundo dos negócios pode ajudar muitas outras na busca pela autonomia e realização pessoal, além de promover suas famílias e comunidades, gerando emprego, renda e desenvolvimento econômico e social. Foi desta percepção que surgiu o Prêmio Sebrae Mulher de Negócios, que busca identificar, selecionar e premiar os relatos de vida de mulheres empreendedoras de todo o país que transformaram seus sonhos em realidade. A edição 2017 está com inscrições abertas até o dia 31 de março.

Duas empreendedoras de Angra dos Reis se destacaram na etapa estadual da última edição do Prêmio, em 2015. Entre 956 inscritas, Marilis da Conceição Pereira e Aline Paes de Andrade conquistaram, respectivamente, o primeiro e o terceiro lugar na categoria Produtora Rural. Ambas participam do projeto de Fortalecimento da Cadeia de Orgânicos, desenvolvido pelo Sebrae/RJ, na Costa Verde. “Quem pensa que em Angra tem só turismo, agora sabe que aqui também tem produção agrícola. Somos agricultores familiares, com pequenas propriedades, mas produzimos muita coisa boa”, disse Marilis, ao receber o prêmio na solenidade que aconteceu no Rio, em fevereiro de 2016.

Para participar, as candidatas precisam ter mais de um ano de atividade fiscal, idade acima de 18 anos e o faturamento anual das empresas não poderia ultrapassar o valor de R$ 3,6 milhões. 

O prêmio é composto por etapas estadual e nacional, e é divido em três categorias: Pequenos Negócios, para microempresas e empresas de pequeno porte; Produtor Rural, para mulheres que exploram atividades agrícolas, pecuárias e/ou pesqueiras, incluindo a transformação destes produtos em geleias, doces, conservas, farinhas, etc.; e Microempreendedor Individual, voltado para as que trabalham por conta própria num empreendimento legalizado com faturamento de até R$ 60 mil por ano.

As inscrições são gratuitas e terminam no dia 31 de março. Para se inscrever, basta acessar o site http://www.mulherdenegocios.sebrae.com.br, onde também estão disponíveis os regulamentos e formulários. Também é possível obter informações e esclarecimentos no escritório regional do Sebrae/RJ em Angra dos Reis, na Rua Coronel Carvalho, 13, Centro; ou pelo telefone (24) 3365-2799.

 

Empreendedorismo Feminino em alta

No estado do Rio, 48% dos microempreendedores individuais são mulheres. Segundo diagnóstico conduzido pelo Sebrae e o Dieese, Anuário das Mulheres Empreendedoras e Trabalhadoras em Micro e Pequenas Empresas, o empreendedorismo feminino cresceu 21,4% em uma década. O estudo mostra que de cada dez pequenos negócios em atividade no Brasil, três são comandados pela força feminina.

O estudo analisou o perfil de gênero nos pequenos negócios – aqueles que faturam até R$ 3,6 milhões por ano – entre os anos de 2001 e 2011 e revelou que as mulheres empreendedoras são jovens: 41,3% têm entre 18 e 39 anos e 52% têm entre 40 e 64 anos. O setor que as mulheres mais empregam é o comércio, com 42% de empregos gerados, sendo a venda de roupas, acessórios e calçados, a atividade com maior concentração feminina. Os setores de serviços e indústria vêm em seguida.