Loading...
Jul 20, 2018 Last Updated 1:48 PM, Jul 20, 2018

ICN participa de feira de segurança no Rio

O DIRETOR presidente da ICN, André Portalis, conversa sobre o projeto dos submarinos com representantes da Marinha do Brasil O DIRETOR presidente da ICN, André Portalis, conversa sobre o projeto dos submarinos com representantes da Marinha do Brasil FOTO DIVULGAÇÃO/ICN
Publicado em Cotidiano
Ler 340 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Itaguaí Construções Navais surpreende na primeira edição Ridex, atraindo centenas de visitantes ao seu stand

FEIRA INTERNACIONAL Realizada no Píer Mauá, zona portuária do Rio de Janeiro, de 27 a 29 de junho, a Feira Internacional Ridex, idealizada para reunir profissionais das áreas de defesa, segurança e offshore, foi o palco de estreia da Itaguaí Construção Navais (ICN) em eventos internacionais. O evento foi uma ótima oportunidade de mostrar as competências adquiridas no Programa de Desenvolvimento de Submarinos da Marinha do Brasil (Prosub).

Única empresa do hemisfério sul com a capacidade de fabricar submarinos, a ICN apresentou ao público a holografia do submarino convencional mais moderno do mundo, o S40 Riachuelo, que será lançando em dezembro deste ano, no Complexo Naval de Itaguaí.

O evento ratificou a capacidade operacional da empresa e o seu premiado Programa de Gestão do Conhecimento, referência internacional em retenção de tecnologia, salvaguardando ao Brasil o domínio da tecnologia francesa para dotar o país a autonomia para fabricação de seus próprios projetos de submarino.

A empresa também levou para os visitantes a experiência imersiva com um vídeo 360° no Estaleiro de Construção, mostrando ao público a finalização do primeiro submarino do Programa da Marinha.

Ao longo dos três dias de feira muitas experiências e relacionamentos foram construídos por meio da presença maciça do alto comando da Marinha e demais delegações internacionais, como Egito, México, Peru e Chile. Todas visitaram o stand e se surpreenderam com o avanço do projeto e as competências adquiridas pela ICN, por meio de seu Programa de Gestão do Conhecimento, possibilitando a empresa, com o apoio da Marinha e de seus acionistas, desenvolver, no momento oportuno, novos projetos e serviços como manutenção de submarinos, navios de superfície, sistemas complexos e até mesmo operação de outros estaleiros.

Abrilhantando o stand da ICN, o comandante da Marinha, almirante de esquadra Leal Ferreira, externou sua satisfação no desenvolvimento do projeto e a desenvoltura da ICN na fabricação simultânea dos quatro submarinos convencionais, bem como a preparação para a construção do primeiro submarino nuclear do Brasil, batizado de SN Álvaro Alberto.

Outro grande destaque foi a presença do diretor geral de desenvolvimento nuclear e tecnológico da Marinha, o Almirante de Esquadra Bento Costa Lima Leite de Albuquerque Junior, que apresentou a ICN como parceiro chave no desenvolvimento tecnológico da Marinha. 

Para o diretor presidente da ICN, André Portalis, “Este é o início de um legado para a Itaguaí Construções Navais que, em parceria com a Marinha, pretende se firmar, ao longo dos próximos anos, como protagonista da indústria naval brasileira, trazendo consigo o desenvolvimento da engenharia, da ciência, da tecnologia e também a criação de sistemas complexos e inovadores para a defesa da América Latina, bem como o desenvolvimento sustentável para o povo brasileiro”.

O próximo grande desafio da ICN é o lançamento do S40 Riachuelo, o submarino convencional mais moderno do mundo, em 12 de dezembro deste ano.