Mar 27, 2017 Last Updated 2:21 PM, Mar 24, 2017

Desrespeito com dinheiro público

Manilhas foram encontradas largadas em terreno baldio na Vila Margarida Manilhas foram encontradas largadas em terreno baldio na Vila Margarida Flávio Barbosa
Publicado em Cotidiano
Ler 1223 vezes
Avalie este item
(0 votos)

Manilhas abandonadas, há mais de um ano, fazem parte da paisagem de Vila Margarida e prejudicam os moradores do bairro.

DESPERDÍCIO Os moradores da Vila Margarida convivem com um antigo problema que os prejudica naquela localidade: o esgoto a céu aberto. Durante quase toda e extensão Rua Ismael Cavalcante, há um valão que leva problemas ao morador como a infestação de roedores, baratas e até animais peçonhentos que se escondem na vegetação ao redor do lugar. Na quinta-feira (2), o ATUAL esteve na Rua Júlio Verne onde encontrou muitas manilhas abandonadas em um terreno baldio.

DANOS AO MORADOR

Em março do ano passado, a Prefeitura de Itaguaí iniciou a canalização de um trecho do valão da Ismael Cavalcante e disse, na época, que iria cobrir toda sua extensão com manilhas, e até, que o lugar receberia uma ciclovia. Até o momento, a promessa da última gestão não foi cumprida. Segundo o morador, Osmar Lins, a existência do valão gera a presença de muitos roedores em sua casa. “A limpeza nesta localidade não é feita frequentemente, por isso, além dos ratos que sobem pela parede de minha casa, também ficamos com medo de outros animais como cobras, por exemplo. Seria um sonho se este esgoto a céu aberto fosse fechado pelos órgãos competentes”, pediu o morador, Osmar Lins.

PREFEITURA DE ITAGUAÍ

A Prefeitura de Itaguaí disse, por meio da assessoria de imprensa, que como foi informado anteriormente, os secretários e suas equipes estão levantando a situação financeira e administrativa da prefeitura. O levantamento parcial mostra uma dívida superior a R$ 230 milhões com salários atrasados, falta de repasses ao Itaguaí Previdência (Itaprevi) e restos a pagar (despesas empenhadas, mas não pagas). A prioridade é o pagamento dos vencimentos do funcionalismo, além de buscar solução para os problemas emergenciais na Saúde e Educação. As demandas apresentadas serão enviadas às secretarias responsáveis.