Sep 25, 2017 Last Updated 5:54 PM, Sep 22, 2017
 
 
 
 
 
Polícia

Polícia (202)

Polícia apreende cerca de uma tonelada de maconha em Campo Grande

 

FLAGRANTE Policiais militares do Batalhão de Policiamento em Vias Expressas (BPVE) apreenderam, na noite do domingo (26), cerca de uma tonelada de maconha, oriunda do Paraguai. O flagrante aconteceu depois que os agentes do BPVE receberam uma informação dando conta de que criminosos estavam se reunindo em um posto de gasolina localizado na Estrada do Mendanha, próximo à Avenida Brasil, no sentido Centro.

Com base na denúncia os agentes seguiram para o local, onde constaram que um homem estava aguardando outros dois elementos para darem sequência ao que inicialmente era apenas uma suspeita. Ao ser indagado sobre sua presença ali o suspeito acabou confessando que era responsável por fazer apenas o frete do carregamento, e que a droga se encontrava em um galpão na Estrada do Lameirão, no sub-bairro de Santíssimo.

 

Os policiais então seguiram para o endereço indicado onde acabaram encontrando uma carreta carregada com aproximadamente uma tonelada de maconha em tabletes envelopados e prensados. Ainda em depoimento aos agentes do BPVE, o homem informou que um outro envolvido na ação o esperava na Transolímpica, aguardando o carregamento da droga. Na sequência da operação, os policiais foram até o ponto de encontro indicado, localizando e prendendo mais um envolvido no crime. A Ocorrência foi registrada na 35ª DP (Campo Grande).

Entidades planejam sair às ruas para clamar por segurança em Itaguaí

 

Marcha Pela Paz e Segurança Pública vai pedir um basta a homicídios, assaltos, arrombamentos, roubos de veículos e criticar a falta de apoio às polícias

 

PROTESTO A séria crise financeira que colocou o estado do Rio às portas da bancarrota, e que provoca reflexos negativos em setores como a segurança pública, ampliando significativamente a sensação de insegurança e desesperando a população, está na raiz de um caos que atormenta quem vive, trabalha ou frequenta Itaguaí. Esse estado de caos tem como consequências mais preocupantes o contínuo aumento de casos de homicídios, assaltos, arrombamentos e roubos de veículos. Os índices de violência acabam inflados numa realidade em que as polícias Civil, Federal e Militar têm efetivos não renovados, com a flagrante diminuição de efetivos nas ruas da cidade, abrindo caminho para a ação da bandidagem.

Contrariados com essa situação de crescente intranquilidade, representantes de várias entidades planejam para a quinta-feira (29), a partir das 18h, na Praça Vicente Cicarino, uma mobilização batizada como “Marcha pela paz e a segurança pública”, em que serão denunciadas as precárias condições em que trabalham os reduzidos efetivos das polícias e as consequentes ocorrências policiais que se acumulam nos registros do 24º BPM (Queimados) e da 50ª DP (Itaguaí). Os organizadores informaram ao ATUAL que a caminhada vai percorrer as principais ruas do centro da cidade, clamando por um combate mais eficaz a crimes como homicídios, assaltos, arrombamentos e roubos de veículos, que se tornaram cada vez mais frequentes no dia a dia da cidade.

 

Unidos na mobilização estão entidades como Associação Comercial, Industrial e Agropastoril de Itaguaí (Aciapi); Rotary Clube; Diocese de Itaguaí; lojas maçônicas Barão de Teffé e Fraternidade e Luz; Conselho Comunitário de Segurança Pública de Itaguaí; Liga Internacional de Assistência aos Direitos Humanos; e Polo Empresarial da Pavuna. A mobilização conta ainda com apoio de diversas empresas. Ao mesmo tempo em que se irmana à grita coletiva, a Aciapi tem em mente a ideia de difundir na cidade uma iniciativa adotada pela iniciativa privada da cidade de Blumenau, no estado de Santa Catarina, convocando as grandes empresas a se unirem, por exemplo, na tarefa de recuperar as viaturas das polícias. Uma decisão extremamente oportuna num estado em que, segundo a própria Aciapi, cerca de 60% das viaturas da Polícia Militar estão sucateadas. 

Segundo moradores, seu nome era Douglas e tinha apenas 20 anos

ASSASSINATO Um rapaz foi assassinado no início da tarde de hoje (22) em Itaguaí. Crime teria acontecido na Rua Rosalina Gonçalves, paralela à Rodovia Rio-Santos, na altura do Frontal das Ilhas. Segundo informações de moradores, o jovem se chamava Douglas e tinha 20 anos. Marcas de disparo de arma de fogo foram vistas pelos moradores no corpo do jovem, antes do mesmo ser coberto por um pano branco.

Segundo o órgão, serão priorizadas as ações preventivas para redução da violência do trânsito e de acidentes

OPERAÇÃO A Polícia Rodoviária Federal (PRF) iniciou nesta quarta-feira (14), a Operação Corpus Christi com reforço no policiamento nas rodovias federais de todo o Brasil. Até o próximo domingo (18), policiais rodoviários federais concentrarão a fiscalização em locais e horários de maior incidência de acidentes e crimes, de acordo com estatísticas do órgão.

APÓS OPERÇÃO Dois ônibus foram incendiados, na manhã desta quarta-feira (14), nas proximidades da Favela do Rola, em Santa Cruz. O ataque contra os coletivos ocorreu após três pessoas serem mortas e outras duas ficarem feridas durante uma operação do 27º BPM (Santa Cruz) na comunidade.

O delegado responsável, Alexandre Leite, afirma que as prisões são preventivas e que seria prematura concluir as investigações

Dilceia Norberto

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

CADEIA A polícia prendeu neste fim de semana dois suspeitos acusados do assassinato do professor de Educação Física, Diego Barbosa, que dava aulas de Zumba na região. Com interrogatórios desde a última quinta-feira (8), quando um dos suspeitos chegou a ser liberado, o caso se aproxima cada vez mais de uma conclusão. No entanto, ainda há questões a serem averiguadas.

Delegado da 50ª DP (Itaguaí) não descarta linhas de investigação, mas irmãos da vítima, que estivem na delegacia para ajudar nas investigações, acredita em crime passional  

DILCEIA NOBERTO

WELINGTON CAMPOS

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

INVESTIGAÇÃO Seguem as investigações sobre o assassinato do jovem professor de Zumba, Diego Barbosa dos Santos, de 28 anos. Os irmãos de Diego, Miro Barbosa e Carlos Augusto Barbosa, prestaram depoimento na tarde de quinta-feira (8). Há suspeita de crime passional ou homofóbico. Entretanto, o delegado titular da 50ª DP (Itaguaí), onde o caso está sendo investigado, Alexandre Leite, informou que nenhuma linha de investigação foi descartada, mas suspeitos estão sendo investigados.

FLAGRANTE Durante realização de Operação de Combate ao Roubo de Cargas na Serra das Araras, equipe PRF em ronda, na madrugada desta quarta-feira (7), ao passar pelo Posto Marinas, no km 217 da Dutra, no pé da serra, sentido Rio de Janeiro, observou um veículo HYUNDAI/HB 20S com placas de Seropédica, em atitude suspeita naquele local.

FISCALIZAÇÃO Agentes da Operação Barreira Fiscal, das secretarias de estado de Governo e de Fazenda, realizaram, no início desta semana, dias 5 e 6, no Posto Fiscal de Nhangapi, em Itatiaia, a Operação Brás Legal II. Durante a ação, foram apreendidas quatro toneladas de roupas sem documentação fiscal, avaliadas em R$ 134 mil, e duas toneladas de produtos pirateados, como tênis, camisas, calças, bonés e bermudas.

Professor de Educação Física, Diego Barbosa dos Santos foi assassinado brutalmente, segundo familiares

HOMÍCIDIO O corpo do professor de zumba, Diego Barbosa Santos, de 28 anos, foi encontrado na manhã de ontem (7), na linha férrea, próximo a Estrada Santa Rosa, no bairro Chaperó, em Itaguaí. O corpo do professor Diego foi velado na tarde de ontem na Câmara Municipal de Itaguaí. O sepultamento foi realizado no Cemitério Municipal de Itacuruçá.