Jun 25, 2017 Last Updated 3:00 AM, Jun 23, 2017
Poder

Poder (147)

Avalie este item
(0 votos)

NOVA FRENTE O prefeito de Seropédica, Anabal Barbosa de Souza, inaugurou ontem o Núcleo da Melhor Idade (NMI), localizado na Rua 33, quadra 35, lote 29, no bairro Jardim Maracanã. “O objetivo é possibilitar à terceira idade espaços de convivência, favorecendo a melhoria da qualidade de vida, a valorização da autoestima, o fortalecimento de vínculos familiares e comunitários e a prevenção do isolamento social”, explicou o prefeito.

Avalie este item
(2 votos)

NEPOSTISMO O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio da 2ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva do Núcleo Angra dos Reis, expediu recomendação determinando a exoneração da primeira-dama de Itaguaí, Andréia Cristina Marcello Busatto, e da filha do vice-prefeito do município Abeilard Goulart de Souza Filho, Erika Yukiko Muraoka de Souza. Elas foram nomeadas na administração municipal, ocupando respectivamente os cargos de secretária de Educação e secretária interina de Cultura, e de secretária de Esportes. O pedido inclui outros diversos servidores da Prefeitura Municipal e da Câmara de Vereadores pela prática de nepotismo.

Avalie este item
(0 votos)

Parlamentares debateram saúde no município, mas por conta de manifestações da palteia sessão foi encerrada

Avalie este item
(0 votos)

Alerj recebe projeto de lei que propõe isenção para Ambev construir nova fábrica em Campo Grande

Avalie este item
(0 votos)

Secretarias passam pela etapa de entrevistas com a empresa responsável pela elaboração do projeto

Avalie este item
(0 votos)

Categoria entrou em estado de greve e deliberou por repor aulas somente após pagamento do salário de dezembro

Avalie este item
(0 votos)

Prefeito Anabal diz que abertura da UPA 24h, implantação de centro de tratamento intensivo e de um centro de hemodiálise são prioridades de seu governo

Avalie este item
(0 votos)

Representantes dos funcionários da categoria vão à Defensoria Pública e repassam informações aos servidores durante assembleia

Avalie este item
(0 votos)

FIM Em assembleia realizada pelo Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe/Itaguaí), na tarde desta terça-feira (4), os servidores da educação deliberaram pelo fim da greve. Os trabalhadores voltam às unidades escolares nesta quarta-feira (5), mas mantiveram o estado de greve.

De acordo com a categoria, caso o prefeito Charlinho (PMDB) não reveja os descontos nos salários efetuados no pagamento do dia 29 de março, os trabalhadores vão retomar a paralisação. Outra decisão tomada pela categoria diz respeito à reposição das aulas, que só será efetivada depois de 30 de junho. Os trabalhadores querem que o governo efetue o pagamento do salário de dezembro, como acertado em juízo.

Na segunda-feira (3), a Justiça havia tomado decisão favorável à categoria. A Prefeitura de Itaguaí havia feito um pedido de reconsideração à Justiça no que diz respeito à liminar que garante o exercício de servidores da educação que migraram para o regime de 40 horas. No entanto, a decisão judicial manteve a legitimidade da migração e destacou não haver qualquer coisa a reconsiderar.

 

Os profissionais da educação estavam em greve desde o dia 13 de fevereiro. A categoria exigia o pagamento de salários atrasados e a revogação de algumas medidas tomadas pela Secretaria Municipal de Educação, como o fim da migração, a exoneração de diretores adjuntos, a obrigatoriedade do cumprimento do 1/3 da carga horária exclusivamente na unidade, entre outras coisas. Ainda há ações judiciais a serem julgadas. Por enquanto, a justiça tem dado ganho de causa para a educação.

Avalie este item
(0 votos)

AMEAÇAS Servidores de Itaguaí afirmam que o governo está agindo de má fé ao publicar na última edição do Jornal Oficial a instauração de sindicância para apurar irregularidades que teriam ocorrido nas secretarias de municipais de Educação, Assistência Social e Saúde. Os profissionais afirmam que o que o Executivo Municipal quer é considerar que houve abandono de 30 dias corridos, para gerar exoneração do servidor.